aristocracia

A palavra aristocracia possui uma classificação gramatical como sendo substantivo feminino. Ademais, referida palavra possui 12 letras, dentre elas vogais e consoantes. As vogais são: a, i, o. Já as consoantes são: r, s, t, c, r. Por outro lado, dita palavra pode ser escrita de outro modo, ou seja, ao contrário, ficando assim: aicarcotsira. Além disso, dita palavra é classificada como termo utilizado para referir se a nobreza.Significado de aristocracia

O conceito básico de aristocracia pode ter dois significados, inter-relacionados, mas uma vez diferenciáveis entre si. No sentido político, o termo aristocracia refere-se a um tipo de governo no qual só têm acesso a indivíduos de energia considerado superior, ou melhor, dentro de uma sociedade. Se entendida no sentido social, a aristocracia é um dos grupos sociais mais importantes e permanência ao longo da história, entrando apenas em claro declínio no século XIX. A aristocracia como um sistema de governo é, por definição, o governo dos melhores. A palavra aristocracia vem do grego, que significa “melhor” e “governo” kratos Isto implica que um governo aristocrático é aquele em que o acesso à energia é reduzido a um número relativamente pequeno de pessoas que normalmente são escolhidas pela linhagem, herança.

Em alguns casos, a aristocracia também pode ser orientada a questões intelectuais e, portanto, considera-se que só as capacidades de educados e intelectuais em certos indivíduos são responsáveis pela execução do governo. Se permanecermos no sentido político, podemos também acrescentar que a aristocracia é tão contrária de outras formas de governo, como a monarquia (regra por uma pessoa), plutocracia (regra pelos ricos) e, essencialmente, da democracia ( o governo de aldeia).

Quanto ao seu sentido social, a aristocracia é definida como um dos grupos sociais mais importantes dentro de uma sociedade ou comunidade específica. Enquanto o poder aristocrático entrou em declínio após a Revolução Francesa quase a desaparecer, hoje, esse grupo social sempre esteve presente na maior parte das civilizações humanas. Suas principais características eram para ter acesso ao poder político e econômico, aprendizagem e conhecimento cultural, os meios de produção e tomada de decisão. A aristocracia sempre consistiu de um pequeno número de indivíduos em toda a comunidade total, a indivíduos que exerceram grande influência sobre os governos (se não fizer parte dela) e classificados entre os ricos e abastados.

Por fim, a aristocracia é um conceito cujo significado mais imediato refere-se àquelas pessoas cujo nome tem o poder político e econômico de um país, transmutado pela hereditariedade. Uma classe de aristocratas também é chamada de “nobre” ou ” nobreza “. Nos países europeus, por exemplo, os aristocratas ou os nobre são os reis, príncipes, duques, condes, barões, ou aqueles que trazem marcadamente a nobreza militar, almirantes, marquises e imperadores. Em tempos passados Roma antiga tinha os patrícios como classe aristocrática e em outros países, como o Japão, os nobres do passado foram os primeiros e mais tarde na Índia foram os Kshatriyas, etc. Um segundo significado do termo “aristocracia” é o de que se acredita que este não se refere ao elevado nível econômico, mas sim a critério para identificar as pessoas que devem reger uma determinada sociedade.Sinônimos de aristocracia

São sinônimos de aristocracia seguintes palavras: organização sociopolítica, nobreza.Antônimos de aristocracia

São antônimos de aristocracia seguintes palavras:Exemplos de usos e frases

A aristocracia era considerada um governo de poucos segundo o filósofo Aristóteles.

A aristocracia era composta por pessoas reconhecidas pela formação diferenciada para atender aos interesses do povo.

A aristocracia surgiu da necessidade de intervenção governamental contra a tirania, em que o poder concentrava se em apenas uma pessoa.