arminho

arminho | s. m. | s. m. pl.
ar·mi·nho
nome masculino

1. [Zoologia]   [Zoologia]   Mamífero carnívoro da família dos mustelídeos, cujo pêlo , fulvo no Verão , é alvíssimo no Inverno , com excepção da cauda, que é sempre negra e constitui um agasalho precioso.

2. [Figurado]   [Figurado]   Brancura, pureza.

3. Macio, mimoso, fofo.
arminhosnome masculino plural

4. Insígnia do pariato.

5. [Figurado]   [Figurado]   Pergaminhos; títulos de nobreza.


substantivo masculino Animal mamífero, carnívoro, pertencente à família dos mustelídeos, com aproximadamente 30 cm de comprimento, caracterizado pela mudança da cor de sua pelagem que, no verão é vermelho-acastanhada, no inverno fica branca.
[Por Extensão] A pelagem ou a pele desse animal.
[Por Extensão] O que é excessivamente macio, delicado, agradável.
[Figurado] O que é muito alvo, branco; brancura.
Pompom para passar pó de arroz no rosto.
Heráldica. Uma das peles heráldicas, representada por um campo de prata semeado de mosquetes ou pontos negros.
Etimologia (origem da palavra arminho). Do latim armenius ‘mus’ rato armênio.


O arminho (Mustela erminea) é um carnívoro mustelídeo de pequeno porte pertencente ao grupo das doninhas (Mustela spp.). A espécie ocupa todas as florestas temperadas, árticas e sub-árticas da Europa, Ásia e América do Norte. Há 38 subespécies de arminho, classificadas de acordo com a distribuição geográfica. Atualmente o arminho não corre qualquer risco de extinção, mas algumas populações estão ameaçadas sobretudo por perda de habitat. O tempo de vida desses animais é de 7 a 10 anos, havendo casos de arminhos que chegaram a viver 14 anos, embora sejam muito raros.




Deixe um comentário