bardo




bardo | s. m.
bar·do
nome masculino

1. Barda.

2. Curral de ovelhas e carneiros.

3. Estaca para empar videiras.

4. Terreno cultivado.

5. Renque de videiras ligadas por varas, canas ou arame, que serve de apoio em forma de grade.

6. Poeta celta que exaltava o valor dos heróis.

7. [Por extensão]   [Por extensão]   Poeta lírico. = TROVADORConfrontar: brado.


substantivo masculino Sebe de silvado para proteger cerrados e defesas.
Espécie de curral mudável, onde ficam de noite as ovelhas, para estercarem a terra.


Um bardo, ou aedo, na Europa antiga, era uma pessoa encarregada de transmitir histórias, mitos, lendas e poemas de forma oral, cantando as histórias do seu povo em poemas recitados. Era simultaneamente músico, poeta, historiador e acessoriamente moralista.
Mais tarde seriam designados de trovadores e as tradições musicais e literárias que transmitiram às gerações sucessivas dão origem às canções de gesta.
O bardo usava frequentemente um alaúde para tocar suas melodias e músicas, que contavam na maioria das vezes uma história triste ou poemas épicos, com acompanhamento de liras, de crwth ou de harpas.
A música tradicional irlandesa tem nos bardos a sua principal raiz. Também se encontram vestígios da sua arte entre os contadores ou cantores de gwerziou bretões e nos eisteddfodau do País de Gales.