bizantinismo

bizantinismo | s. m.
bi·zan·ti·nis·mo
nome masculino

Bizantinice.


substantivo masculino Tendência à discussão sutil e fútil, à maneira dos bizantinos, que eram apaixonados por debates gramaticais e teológicos. (Diz-se também bizantinice.).
[Figurado] Frivolidade, sutileza estéril.


Bizantinismo ou bizantismo é um termo usado em ciência política e filosofia para denotar o sistema político e cultural do Império Bizantino e seus sucessores espirituais, em particular os Estados balcânicos, o Império Otomano e a Rússia. O termo bizantinismo em si foi cunhado no século XIX e tem primariamente conotações negativas, implicando complexidade e autocracia. Esta reputação negativa destacou as complexidades desconcertantes dos ministérios do império e suas cerimônias cortesãs, bem como sua suposta falta de espinha dorsal em assuntos marciais. Da mesma forma, o “sistema bizantino” também sugere uma propensão para intrigas, conspirações e assassinatos e um estado de instabilidade política geral dos negócios. O termo tem sido criticado por estudiosos modernos por ser uma generalização que não é muito representativa da realidade da aristocracia e burocracia bizantina.Na linguagem comum bizantinismo ou bizantinice significa uma discussão que se prende a complexidades e detalhes, deixando de lado os aspectos mais importantes e os resultados práticos, ou um argumento pedante, vicioso, esquisito, mistificador, artificioso ou frívolo.




Deixe um comentário