bronzina

broazinha brônzea bruneína bronzeia benzina broazita bonina bronzes broazona (norma brasileira) bronzista (norma brasileira)


substantivo feminino [Automóvel] Peça de metal macio que liga a biela à árvore de manivela ou esta ao mancal; casquilho.
Pó que se aplica a certos objetos para lhes dar o aspecto de bronze.
Etimologia (origem da palavra bronzina). Bronze + ina.


A Bronzina é um tipo de mancal, também designada por capa, bucha ou casquilho, é utilizado para reduzir o atrito e servir de apoio e guia para peças giratórias, deslizantes ou oscilantes de um conjunto mecânico (por exemplo um motor), sejam estas eixos ou rodas sobre eixos, como virabrequim, bielas e comandos de válvulas, permitindo-lhes o movimento com um mínimo de atrito.
Geralmente são formadas por duas carcaças de aço, de forma semicirculares iguais para facilitar a montagem, porém, também fabricadas de forma anelar (bucha), revestido interiormente de metal macio (antifricção), com propriedades para reduzir o atrito.
O revestimento interior da carcaça de aço em questão é o bronze, de onde se origina o nome (“bronzina”), que pode ser composto por várias ligas metálicas, como por exemplo: cobre-chumbo, cobre-estanho e ainda, em alguns casos, é usado o metal branco e estanho-alumínio.
Devem ter um sólido e perfeito contato no seu alojamento, não só para garantir seu apoio, como também para que o calor gerado pela fricção (atrito) se dissipe por condução, evitando assim o sobre-aquecimento.
Existem técnicas especiais de fabricação, as quais deixam o revestimento interno poroso (com minúsculos orifícios) que facilitam a entrada de fluidos lubrificantes, melhorando a dissipação e diminuindo a fricção.




Deixe um comentário