calendário




calendário | s. m.
ca·len·dá·ri·o
(latim calendarium, -ii, registo , livro de contas, de calendas, -arum, primeiro dia de cada mês )
nome masculino

1. Folha, impresso ou gráfico com os dias do ano, normalmente divididos em meses e semanas. = ALMANAQUE, FOLHINHA

2. Sistema de divisão do tempo (ex.: calendário muçulmano).

3. Conjunto de datas fixadas para realização de algo ou para emprego do tempo. = PROGRAMA

calendário juliano • Calendário introduzido por Júlio César no ano 46 a.C., que consta de 365 dias (366 de quatro em quatro anos), agrupados em 12 meses.


substantivo masculino Folhinha; impresso que traz os dias, as semanas e os meses do ano, acrescentando os feriados, as fases da Lua e as festas oficiais de um país.
Cronograma; as datas em que alguma coisa acontece.
[Por Extensão] Data fixada com antecedência para certos eventos e atividades.
Cronologia. Sistema de medida que, baseando-se em fenômenos astronômicos ou num conjunto de regras específicas, divide o tempo em dias, meses e anos.
Etimologia (origem da palavra calendário). Do latim calendariu.m.


Calendário é um sistema para contagem e agrupamento de dias que visa a atender principalmente às necessidades civis e religiosas de uma cultura. A palavra deriva do latim calendarium, “livro de registro”, que, por sua vez, deriva de calendae, que indicava o primeiro dia de um mês romano. As unidades principais de agrupamento dos dias são o mês e o ano.