camisola

camisola | s. f.
ca·mi·so·la |ó| ca·mi·so·la |ó|
(camisa + -ola )
nome feminino

1. [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Peça de roupa, geralmente com mangas, que se veste pela cabeça e que cobre o tronco.

2. [Brasil]   [Brasil]   Camisa comprida de dormir.

camisola interior • [Portugal]   • [Portugal]   • [Vestuário]   [Vestuário]   • [Vestuário]   Peça de roupa, geralmente de tecido fino, que se veste pela cabeça e que se traz junto ao corpo, por baixo de outras peças de roupa (ex.: por baixo da camisa, vestia uma camisola interior de manga curta).

vestir a camisola • [Portugal]   • [Portugal]   Empenhar-se incondicionalmente numa causa, numa tarefa ou num projecto . = VESTIR A CAMISA


substantivo feminino Camisa comprida de dormir.


A camisola (português brasileiro) ou camisa de dormir (português europeu) é uma peça de vestuário utilizada pelas mulheres para dormir.
O seu comprimento pode variar, podendo ser mais curto (babydoll) ou até aos pés. Pode ser fabricada em algodão, seda, cetim ou nylon, assim como enfeitada com detalhes, como renda e bordados.
Em Portugal, camisola é uma peça de vestuário quente usada indiferentemente por ambos os sexos, normalmente de lã, não sendo impermeável e servindo unicamente para aquecer o tronco, também chamada suéter (do inglês, sweater).
No Brasil, a camisola é utilizada com a imagem de um vestido, onde é possível receber visitas em casa sem se preocupar em estar com um “pijama”, já a camisola para gestante, é uma praticidade dos tempos atuais, onde a mulher que está em fase de aleitamento materno, tem condições de abrir um simples fecho na camisola e amamentar o neném, sem ter que tirar ou mesmo abaixar as alças da peça, o que traz muito conforto.
Existe também camisolas mais sensuais, onde a transparência e os decotes são mais visados.




Deixe um comentário