concupiscência

concupiscência | s. f.
con·cu·pis·cên·ci·a
(latim concupiscentia, -ae )
substantivo feminino

1. Desejo imoderado de satisfazer a sensualidade.

2. Apetite sensual.


substantivo feminino Ambição ou desejo desmedido por bens materiais e/ou sensuais.
Ganância por poder, dinheiro; cobiça.
Aspiração por satisfações sexuais: concupiscência da carne.
Anseio pelos prazeres sensuais; desejo sexual exagerado.
[Filosofia] Agostinismo. Desejo libertino; lascívia carnal.
[Filosofia] Tomismo Medieval. Aspiração pelo prazer motivada por um fato material.
[Teologia] Anseio humano pelos domínios naturais ou sobrenaturais; organização amorosa orientada a Deus e aos homens.
Etimologia (origem da palavra concupiscência). Do latim conscupiscentia.


Concupiscência é o termo utilizado para designar a cobiça ou apreço por bens materiais, assim como os prazeres sexuais e a ganância por poder e/ou dinheiro. Na teologia católica, a concupiscência é vista como um desejo de menor apetite contrário à razão. Essa visão é apoiada pelos estoicos, no qual a concupiscência é entendida como um apetite irracional, assim subordinado às necessidades, ódio, ambição, ira, amor, cólera e ressentimento.




Deixe um comentário