cânula | s. f.
câ·nu·la
(latim cannula, -ae, diminutivo de canna, -ae, junco, caniço, flauta pastoril )
substantivo feminino

1. [Cirurgia]   [Cirurgia]   Tubo de vários instrumentos cirúrgicos.

2. Candelinha.

3. Pipo (de seringa).

4. Pequeno canudo que se mete numa seringa para não a deixar cerrar.


substantivo feminino [Medicina] Pequeno tubo, rígido ou semi-rígido, que se introduz num orifício ou num órgão, para injetar medicamento ou aspirar material.
expressão Cânula de Guedel. Dispositivo que auxilia o manejo das vias áreas, mantendo-as desobstruídas e permitindo melhor oxigenação.
Cânula de Traqueostomia. Dispositivo que permite a ventilação e manutenção da respiração do paciente, colocado na traqueia, ligando-a diretamente com o exterior, quando já risco de asfixia.
Etimologia (origem da palavra cânula). Do latim cannula.


Cânula é um tubo de plástico, borracha ou metal, de calibre variável, com formas e objetivos diversos, aberto em ambas as extremidades, destinado a ser introduzido no corpo.


Deixe uma resposta 0

Your email address will not be published. Required fields are marked *