O que é espigueiro

espigueiro | s. m.
es·pi·guei·ro
nome masculino

1. Tulha ou lugar onde se guardam as espigas do milho.

2. Canastro; caixão; talha.

3. [Figurado]   [Figurado]   Viveiro; enxame.


substantivo masculino Lugar onde se guardam as espigas de milho.
Canastro, caixão, tulha.
Etimologia (origem da palavra espigueiro). Espiga + eiro.


O espigueiro, também chamado canastro, caniço ou hôrreo, é uma estrutura normalmente de pedra e madeira, existindo no entanto alguns inteiramente de pedra, com a função de secar o milho grosso através das fissuras laterais, e ao mesmo tempo impedir a destruição do mesmo por roedores através da elevação deste. Como o milho requer que seja colhido no Outono, este precisa de estar o mais arejado possível para secar numa estação tão adversa como o Inverno.
No território de Portugal Continental, encontram-se principalmente a Norte, em particular nas regiões do Minho, Beira Litoral, Beira Interior e Oeste de Trás-os-Montes.
O maior espigueiro de Portugal encontra-se na aldeia de Carrazedo (freguesia de Bucos), no município de Cabeceiras de Basto.
Na Galiza, em Espanha, existem espigueiros idênticos aos que existem em Portugal. Também há estruturas semelhantes nas regiões espanholas de Navarra, Astúrias, Cantábria e na província de León, onde recebem o nome de hórreo.
Também existem construções muito semelhantes na Escandinávia, em especial na Noruega, onde são chamados stabbur e na Suécia, chamados härbre.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *