O que é firmamento

firmamento | s. m. derivação masc. sing. de firmar
fir·ma·men·to
(latim firmamentum, -i )
nome masculino

1. Acto ou efeito de firmar.

2. O que serve de fundamento. = ALICERCE, SUSTENTÁCULO

3. Espaço onde estão os astros. = ABÓBADA CELESTE, CÉU

4. Espaço visível acima do horizonte. = CÉU
fir·mar fir·mar – Conjugar
verbo transitivo e pronominal

1. Tornar ou ficar firme.

2. Colocar ou colocar-se com firmeza. = APOIAR, SEGURARverbo transitivo

3. Colocar assinatura em. = ASSINAR, RATIFICAR

4. Confirmar, assegurar.

5. Fixar (ex.: firmar a atenção).

6. Estribar.verbo pronominal

7. Fazer finca-pé.


substantivo masculino [Astronomia] Espaço celeste no qual aparecem as estrelas, os astros etc.; céu.
Reunião de pessoas importantes, celebridades; constelação.
Ação de firmar, de fundamentar, de sustentar; sustentação.
O que serve de base; fundamento.
Etimologia (origem da palavra firmamento). Do latim firmamentum.i.


Firmamento é um nome para a abóbada celeste, geralmente usada no contexto das religiões baseadas nas escrituras hebraicas (judaísmo, cristianismo). O termo vem do latim clássico firmamentum, usado na Vulgata, que significa “suporte”. O termo original hebraico, raqiya’ (רקיע), designa uma placa rígida, ampla e sólida, possuindo uma certa espessura. O termo deriva-se da raiz raqa’ (רקע), designando a ação de expandir (um metal) batendo-o com um martelo, o processo de se fazer uma placa metálica, motivo pelo qual algumas traduções bíblicas usam a palavra “expansão” em vez de “firmamento”.
Segundo a cosmologia bíblica, refletida no primeiro capítulo do Livro de Gênesis, Deus criou a Terra inicialmente “sem forma e vazia”, imersa nas águas primordiais do abismo (Tehom). A seguir ele criou a abóbada do firmamento para “separar as águas”, dando espaço para a atmosfera, o que lhe permitiu então separar as “águas abaixo do firmamento” (corpos de água) da “parte seca” (solo), criando os acidentes geográficos e dando forma à Terra, As águas acima do firmamento são as Nuvens. E finalmente criou seres vivos para habitá-la, de maneira que ela deixou de estar vazia.

“E a terra era sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas.” Gênesis 1:2 (ACF)
“E disse Deus: Haja um firmamento no meio das águas, e haja separação entre águas e águas. E fez Deus o firmamento, e fez separação entre as águas que estavam debaixo do firmamento e as águas que estavam sobre o firmamento; e assim foi. E chamou Deus o firmamento Céus, e foi a tarde e a manhã, o dia segundo.” Gênesis 1:6-8.

Durante a narrativa, Deus colocou no firmamento o Sol, a Lua e as estrelas, percebidos como objetos relativamente pequenos em comparação com a Terra. Abóbada quer dizer firmamento ou céus, e não domo como muitos interpretam. A própria Bíblia descarta a teoria da terra plana.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *