O que é punição

punição | s. f. derivação fem. sing. de punir
pu·ni·ção
(latim punitio, -onis )
nome feminino

1. Acto ou efeito de punir.

2. Castigo que se impõe a alguém.

3. Pena imposta por juiz.

4. [Figurado]   [Figurado]   Qualquer coisa desagradável ou difícil de fazer (ex.: cozinhar é uma punição para ela). = CASTIGO
pu·nir pu·nir – Conjugar
(latim punio, -ire )
verbo transitivo e pronominal

1. Infligir pena a; servir de castigo; dar castigo a. = CASTIGARverbo intransitivo

2. [Popular]   [Popular]   Lutar em defesa; esforçar-se por vingança.


substantivo feminino Pena; condenação imposta por um juiz à pessoa que cometeu um crime.
Castigo; recriminação feita a alguém: punição infantil.
[Figurado] O que é insuportável; ação de se submeter a algo muito desagradável: o exame demorado se tornou uma punição.
Etimologia (origem da palavra punição). Do latim punitio.onis.


A punição é um processo no qual reduz-se a probabilidade de determinada resposta voltar a ocorrer através da apresentação de um estímulo aversivo, ou a retirada de um estímulo positivo após a emissão de determinado comportamento indesejado numa terapia comportamental. A teoria comportamental, antes de mais nada, foi uma das primeiras teorias psicológicas a reconhecer os efeitos indesejados da punição no sentido popular do termo, e prescrever alternativas científicas para controle e manipulação de comportamentos nocivos à saúde, indesejáveis e/ou ampliar nossa capacidade de ensino-aprendizagem com a reflexão e experimentos que produziu sobre esse processo.
Na perspectiva da terapia comportamental, a palavra “punição” está apenas vagamente relacionada ao seu uso cotidiano. Segundo Hall, a punição se refere ao procedimento de fazer seguir, a um comportamento, uma consequência que diminua sua força ou probabilidade futura de ocorrência. Assim, qualquer evento que diminua a força de um comportamento precedente é chamado de evento punitivo.

Para Skinner (1904-1990), a punição é facilmente confundida com o “reforço negativo”, e algumas vezes chamado de “controle adversativo”. Os mesmos estímulos são usados e o reforço negativo pode ser definido como a punição por não agir. Porém a punição visa a remover um comportamento, ao passo que o reforçamento negativo gera comportamentos.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *