O que é sofisma

sofisma | s. m. 3ª pess. sing. pres. ind. de sofismar 2ª pess. sing. imp. de sofismar
so·fis·ma
nome masculino

1. Argumento capcioso com que se pretende enganar ou fazer calar o adversário.

2. [Popular]   [Popular]   Engano; logro.
so·fis·mar so·fis·mar – Conjugar
(sofismar + -ar )
verbo transitivo e intransitivo

1. Torcer (argumento ou questão).

2. Dar aparências de verdade a (asserção que se sabe ser falsa).

3. [Figurado, Popular]   [Figurado, Popular]   Lograr, iludir.verbo intransitivo

4. Usar sofismas; raciocinar por sofismas.

Sinónimo Sinônimo Geral: SOFISTICAR


substantivo masculino Argumento ardiloso, aparentemente correto, que pretende induzir o erro, enganar ou silenciar o oponente; paralogismo.
[Por Extensão] Todo discurso tendencioso cuja intenção reside na ideia do erro, proposto ardilosamente por quem o exprime.
[Informal] Ação realizada com a intenção de ludibriar, enganar; mentira.
[Lógica] Premissa ou argumentação cujo propósito se estabelece na intenção de produzir uma ilusão da verdade, apresentando uma estrutura lógica mas, além disso, relações incorretas e propositalmente falsas.
[Lógica] Discussão argumentativa que supostamente demonstra a verdade, contudo possui em sua essência características ilógicas.
Etimologia (origem da palavra sofisma). Do grego sophisma.


Sofisma ou sofismo (do grego antigo σόϕισμα -ατος, derivado de σοϕίξεσϑαι “fazer raciocínios capciosos”) em filosofia, é um raciocínio ou falácia se chama a uma refutação aparente, refutação sofística e também a um silogismo aparente, ou silogismo sofístico, mediante os quais se quer defender algo falso e confundir o contraditor. Não devemos confundir os sofismas com os paralogismos: os primeiros procedem da má fé, os segundos, da ignorância.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *