digitalizador

digitalizador | adj. s. m. | s. m.
di·gi·ta·li·za·dor |ô| di·gi·ta·li·za·dor |ô|
(digitalizar + -dor )
adjectivo e nome masculino adjetivo e nome masculino

1. [Informática]   [Informática]   Que ou aquele que converte informação ou dados analógicos para formato digital; que ou o que digitaliza (ex.: mesa digitalizadora; o centro de documentação procura alguém para o cargo de digitalizador).nome masculino

2. [Informática]   [Informática]   Aparelho que se utiliza para digitalizar fotografias ou textos que podem ser depois processados num computador (ex.: digitalizador de alta resolução). = SCÂNER


adjetivo Que possui capacidade para digitalizar; que pode ser utilizado na digitação.
substantivo masculino [Informática] Pessoa ou mecanismo que pode digitalizar ou usado na digitalização.
[Informática] Mecanismo ou aparelho utilizado para transformar e/ou codificar algo (texto, imagem ou voz) em linguagem digital.
Etimologia (origem da palavra digitalizador). Digitalizar + dor.


Um digitalizador (em inglês: scanner) é um periférico de entrada responsável por digitalizar imagens, fotos e textos impressos para o computador, um processo inverso ao da impressora. Ele faz varreduras na imagem física gerando impulsos elétricos através de um captador de reflexos. É dividido em duas categorias:

Digitalizador de mão – semelhante a um rato/mouse bem grande, no qual deve-se passar por cima do desenho ou texto a ser transferido para o computador. Este tipo não é mais apropriado para trabalhos semi-profissionais devido à facilidade para o aparecimento de ruídos na transferência.
Digitalizador de mesa – semelhante a uma fotocopiadora, no qual deve-se colocar o papel e baixar a tampa para que o desenho ou texto seja então transferido para o computador. Eles fazem a leitura a partir dispositivos de carga dupla.O digitalizador cilíndrico é o mais utilizado para trabalhos profissionais. Ele faz a leitura a partir de fotomultiplicadores. Sua maior limitação reside no fato de não poderem receber originais não flexíveis e somente digitalizarem imagens e traços horizontais e verticais. Ele tem a capacidade de identificar um maior número de variações tonais nas áreas de máxima e de mínima.
Devido aos avanços recentes na área da fotografia digital, já começam a ser usadas câmeras digitais para capturar imagens e texto de livros.




Deixe um comentário