dragão

dragão | s. m. | s. m. pl.
dra·gão
nome masculino

1. Animal fabuloso que se representa com cauda de serpente, garras e asas.

2. Pequeno réptil sáurio inofensivo.

3. Antiga peça de artilharia.

4. Soldado de cavalaria que também combate a pé.

5. [Figurado]   [Figurado]   Pessoa de mau génio .

6. [Depreciativo]   [Depreciativo]   Pessoa muito feia.

7. [Astronomia]   [Astronomia]   Constelação boreal. (Geralmente com inicial maiúscula.)

8. [Veterinária]   [Veterinária]   Catarata.

9. [Heráldica]   [Heráldica]   Emblema ou insígnia em forma de dragão.
dragõesnome masculino plural

10. [Desporto]   [Esporte]   Equipa do Futebol Clube do Porto.

dragão infernal • Satanás.

dragão volante • Espécie de meteoro.


substantivo masculino Monstro fictício que figura fábulas, normalmente representado por uma serpente recoberta por escamas, cuja boca expele fogo.
[Por Extensão] Qualquer representação deste monstro: desenho de dragão.
[Pejorativo] Pessoa muito feia: festa composta basicamente por dragões!
[Militar] Soldado de cavalaria.
[Religião] Para algumas religiões, em linguagem mística, ser que representa o mau; diabo, demônio.
[Zoologia] Nome comum aos lagartos de pequeno porte, que vivem em árvores, de cor intensa e brilhante, de origem indiana ou asiática, com o corpo revestido por membrana, com apêndices como asas que os auxiliam em seus saltos dando a impressão de que voam; dragão-voador.
[Zoologia] Nome comum de uma ave da família dos emberizídeos, Pseudoleistes virescens, nativa do Sul do Brasil; dragão-do-banhado, melro-do-brejo.
Etimologia (origem da palavra dragão). Do grego drákon; pelo latim draco, onis.


Dragões ou drago (do grego δράκων, drákōn) são criaturas presentes na mitologia dos mais diversos povos e civilizações. São representados como animais de grandes dimensões, normalmente de aspecto reptiliano (semelhantes a imensos lagartos ou serpente), muitas vezes com asas, plumas, poderes mágicos ou hálito de fogo. A palavra dragão é originária do termo grego drákōn e é usada para definir grandes serpentes.
Em vários mitos são apresentados literalmente como grandes serpentes, como eram inclusive a maioria dos primeiros dragões mitológicos, e em suas formações quiméricas mais comuns. A variedade de dragões existentes em histórias e mitos é enorme, abrangendo criaturas bem mais diversificadas. Apesar de serem presença comum no folclore de povos tão distantes como chineses ou europeus, os dragões assumem, em cada cultura, uma função e uma simbologia diferentes, podendo ser fontes sobrenaturais de sabedoria e força, ou simplesmente feras destruidoras.




Deixe um comentário