elocução

elocução | s. f.
e·lo·cu·ção
(latim elocutio, -onis, maneira de falar, expressão )
substantivo feminino

1. Boa e elegante enunciação de pensamentos pela palavra.

2. Maneira de se exprimir. = ESTILO, LOCUÇÃO

3. [Retórica]   [Retórica]   Parte da retórica relativa à escolha das palavras e do estilo.Confrontar: ilocução.


substantivo feminino Ação ou efeito de demonstrar um pensamento (ou opinião) através da utilização de palavras.
P.met. A demonstração da enunciação desse pensamento: uma ótima elocução acerca do comunismo.
Maneira de se expressar; modo através do qual alguém se expressa.
[Retórica] Parte da retórica que se dedica ao tratamento da seleção e da posição ocupada pelas palavras e frases; ação de escolher ou organizar palavras ou frases.
Etimologia (origem da palavra elocução). Do latim elocutio.onis.


Elocução significa exprimir o pensamento por meio de palavras. Corresponde também a toda a concretização de uma ideia em forma de enunciado.Historicamente, na retórica grego-romana, a elocução (elocutio) é a terceira das cinco fases de um discurso, sendo considerada a fase de escolha do modo de expressão mais correto para a transmissão da mensagem, considerando o público alvo, o conhecimento da comunidade e a linguagem a ser utilizada.Nesta mesma retórica um discurso se compõe por:
Invenção – inventio (fase de recolha de argumentos para a defesa de um causa)
Disposição – dispositio (organização dos argumentos).
Elocução – elocutio (correspondente grego da lexis)
Memória – memoria (escrita do discurso)
Ação – actio ou pronuntiatio (apresentação do discurso)
Prolepse – prolepsis (refutação prévia)




Deixe um comentário