estresse

stresse estresse | s. m.
stres·se es·tres·se
(inglês stress )
nome masculino

Conjunto das perturbações orgânicas e psíquicas provocadas por vários estímulos ou agentes agressores, como o frio, uma doença infecciosa, uma emoção, um choque cirúrgico, condições de vida muito activa e trepidante, etc.
Ver também dúvida linguística: stress / stresse / estresse.
• Grafia no Brasil: estresse. • Grafia no Brasil: estresse. • Grafia em Portugal:stresse. • Grafia em Portugal:stresse.


substantivo masculino Exaustão física ou emocional provocada por várias e distintas razões, por sofrimento, doença, cansaço, pressão, trauma, sendo definida pela perturbação da homeostasia, do equilíbrio, que leva o organismo a se adaptar através do aumento da secreção de adrenalina.
Etimologia (origem da palavra estresse). Do inglês stress.


Estresse (português brasileiro) ou stresse (português europeu) pode ser definido como:
(A) A soma de respostas físicas e mentais causadas por determinados estímulos externos (estressores), as quais permitem, ao indivíduo (humano ou animal), superar determinadas exigências do meio ambiente;
(B) O desgaste físico e mental causado por esse processo.
O termo “estresse” foi tomado emprestado da física, onde designa a tensão e o desgaste a que estão expostos os materiais, e usado pela primeira vez no sentido hodierno em 1936 pelo médico Hans Selye na revista científica Nature.
O estresse pode ser causado pela ansiedade e pela depressão devido à mudança brusca no estilo de vida e a exposição a um determinado ambiente, que leva a pessoa a sentir um determinado tipo de angústia. Quando os sintomas de estresse persistem por um longo intervalo de tempo, podem ocorrer sentimentos de evasão (ligados à ansiedade e depressão). Os nossos mecanismos de defesa passam a não responder de uma forma eficaz, aumentando, assim, a possibilidade de vir a ocorrer doenças, especialmente cardiovasculares.
Alguns medicamentos podem desenvolver ou piorar os sintomas de estresse, como:

Medicamentos inaladores usados para tratar asma;
Medicamentos para tireoide;
Algumas pílulas dietéticas;
Alguns remédios para resfriado.
Produtos com cafeína, cocaína, álcool e tabaco também podem provocar ou piorar os sintomas.Quando os sintomas ocorrem com frequência, o indivíduo pode sofrer distúrbios de ansiedade.
O tratamento para o estresse consiste em 3 abordagens: Administrar os estressores, aumentar a resistência aos estressores e mudar a forma de enfrentar o estressor.




Deixe um comentário