et cetera

locução conjuntiva E outras coisas; entre outros; e o restante; adicionando algo de mesma natureza, mas não mencionado na enumeração: o professor trabalha com atividades artísticas, música, pintura, literatura et cetera.
Assim por diante; que segue em frente; dando seguimento a algo: o político seguirá com sua rotina normal, propostas, projetos et cetera.
Etimologia (origem de et cetera). Do latim et caetera.


Et cetera (também et cætera – et cet·er·a neutro plural), de forma reduzida etc., é a expressão de origem latina que significa “e os restantes” ou “e outras coisas mais”. É normalmente utilizada no fim de uma frase para representar a continuação lógica de uma série ou enumeração. Como exemplo, “Para escrever um bom artigo, deve-se tomar cuidado com a redação, ortografia etc.”
Note que não faz sentido escrever “A, B, C ‘e’ etc.”, já que significa algo como ” A, B, C ‘e’ e os outros”. Vale notar também que, por ser uma abreviatura, o ponto é sempre obrigatório.
Tratando-se de pontuação, não é comum pôr-se vírgula antes de uma abreviatura. Pela gramática da língua portuguesa, havendo a conjunção e entre os dois últimos termos de uma enumeração, a vírgula seria desnecessária, já que o et de etc. pode ser traduzido por “e”. Porém, como acontece com algumas outras regras da língua portuguesa, é muito comum encontrar frases escritas dessa maneira, mesmo em publicações mais formais.
O etc., embora algumas vezes aplicado desta forma, não deve ser utilizado para se referir a pessoas. Deve-se utilizar a expressão et alii (abreviação et al., significa “e os outros”).




Deixe um comentário