extrema-esquerda

extrema-esquerda | s. f. | s. 2 g.
ex·tre·ma·-es·quer·da |ê| ex·tre·ma·-es·quer·da |ê|
nome feminino

1. [Política]   [Política]   Conceito genérico que designa um conjunto de partidos, agentes políticos e população que partilha doutrinas, ideologias, orientações ou princípios considerados mais à esquerda dos tradicionais partidos socialistas e comunistas, ou mais extremados do que estes.nome de dois géneros

2. [Futebol]   [Futebol]   O mesmo que ponta-esquerda.Plural: extremas-esquerdas. Plural: extremas-esquerdas.



Extrema-esquerda ou ultraesquerda, considerando-se o espectro político, é um termo empregado em muitos países da Europa e da América para designar correntes situadas à esquerda dos partidos socialistas e dos partidos comunistas tradicionais. Assim, pode aplicar-se genericamente a qualquer partido de esquerda mais radical do que os partidos comunistas criados a partir da III Internacional, ou aos movimentos revolucionários anticapitalistas. As vertentes de extrema-esquerda são mais favoráveis a Ditadura do Proletariado, defendendo um Estado provisório porém centralizador, de caráter marxista-leninista.




Deixe um comentário