fazenda

fazenda | s. f.
fa·zen·da
(latim vulgar *facenda, do latim facienda, gerundivo de facio, -ere, fazer, executar )
substantivo feminino

1. Conjunto de bens, haveres.

2. Herdade destinada a grande cultura.

3. [Economia]   [Economia]   Conjunto das finanças públicas.

4. [Jurídico, Jurisprudência]   [Jurídico, Jurisprudência]   Conjunto de bens e direitos que constituem o património de alguém que os pode administrar e dispor deles.

5. Tecido; pano; estofo.

6. Mercadoria.

7. Conjunto de géneros destinados à venda.

8. [Antigo]   [Antigo]   Reputação de mulher honesta.

9. [Antigo]   [Antigo]   Peleja; acção .

10. [Portugal: Trás-os-Montes]   [Portugal: Trás-os-Montes]   Rebanho.

11. [Figurado]   [Figurado]   Qualidade; carácter .

12. [Brasil, Popular]   [Brasil, Popular]   Mulher bela e airosa.


substantivo feminino Grande propriedade destinada à lavoura ou à criação de gado.
Pano (tecido de linho, algodão, lã etc.).
Fazenda pública, o tesouro público.
Bens, haveres.


Uma fazenda (Angola e Brasil), herdade (Alentejo), machamba (Moçambique), roça (São Tomé e Príncipe) ou quinta (outras regiões de Portugal) é uma propriedade rural agrícola , geralmente composta por um imóvel e um terreno destinado à prática da agricultura e da pecuária.
A propriedade, geralmente, inclui diversas estruturas com o objetivo primário de produção e gerenciamento de alimentos, como também de gado (veja também rancho). Fazendas podem ser dirigidas por simples indivíduos, famílias, comunidades, corporações ou companhias. Uma fazenda pode ser constituída por desde uma fração de hectare até milhares de hectares.




Deixe um comentário