hospedaria

hospedaria | s. f. 1ª pess. sing. cond. de hospedar 3ª pess. sing. cond. de hospedar
hos·pe·da·ri·a
(hóspede + -aria )
nome feminino

1. Casa em que se admitem hóspedes, mediante retribuição.

2. Albergaria; estalagem.
hos·pe·dar hos·pe·dar – Conjugar
(hóspede + -ar )
verbo transitivo

1. Receber em sua casa como hóspede.

2. [Biologia]   [Biologia]   Ter a função de hospedeiro de (ser parasita ).

3. [Informática]   [Informática]   Fornecer o equipamento e as condições necessárias para manter um site.verbo pronominal

4. Estabelecer-se como hóspede. = ALOJAR-SE


substantivo feminino Estabelecimento onde se aceitam hóspedes mediante determinado preço.
Casa reservada em certas comunidades religiosas para alojamento dos peregrinos ou viajantes: Hospedaria do Grande São Bernardo.
Estalagem, albergaria.


O termo hospedaria refere-se, em geral, a locais onde se podem albergar pessoas em viagem – podendo referir-se a estalagens ou albergarias. Existindo já desde a Antiguidade, no Antigo Egipto, Índia, Grécia, Roma, as hospedarias foram especialmente importantes durante a Idade Média, altura em que providenciavam apoio aos muitos peregrinos que seguia, pelas principais rotas religiosas, em direcção, por exemplo, a Roma, Santiago de Compostela, ou mesmo à Terra Santa (o que motivou, por exemplo, a fundação da Ordem dos Hospitalários). Muitas serviam ainda para acolher doentes, sendo chamadas, nesse caso, mas não exclusivamente, já que os termos eram por vezes usados de forma indiscriminada, de hospícios (hospitium) ou hospitais (hospitales).




Deixe um comentário