jaque

jaqué | s. m. jaque | s. m. já | adv. | conj. coord.
ja·qué
nome masculino

1. [Portugal: Minho]   [Portugal: Minho]   [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Casaco curto de mulher.

2. [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Colete de homem.

3. [Viticultura]   [Viticultura]   Casta de uva tinta, resultado do cruzamento de casta americana com casta europeia.
ja·que ja·que
(inglês jack )
nome masculino

1. [Portugal]   [Portugal]   [Marinha]   [Marinha]   Bandeira, quadrada ou rectangular , distintiva da nacionalidade, na proa dos navios de guerra, geralmente hasteada quando o navio está ancorado no porto ou em cerimónias . (Equivalente no português do Brasil: jeque.)

2. [Antigo]   [Antigo]   Saio militar.
já já
(latim jam )
advérbio

1. Neste instante (ex.: saia já daqui!). = AGORA, IMEDIATAMENTE

2. De antemão (ex.: já sabiam da novidade?).

3. Tão depressa (ex.: a situação não muda já, vai ser preciso esperar).

4. Usa-se repetido, para indicar pedido imediato ou que algo se vai passar imediatamente, sem demora, no mesmo instante (ex.: quero isso feito já, já; ele vai ao médico já, já).conjunção coordenativa

5. Emprega-se como conjunção coordenativa disjuntiva, no início de duas frases seguidas ou de dois constituintes de frase seguidos, indicando alternativa (ex.: o governo parecia muito instável, já os ministros pareciam unidos, já daí a pouco ameaçavam demissão). = ORA, OU, QUER

6. Emprega-se como conjunção coordenativa aditiva, no início de duas frases seguidas ou de dois constituintes de frase seguidos (ex.: é um destino turístico muito interessante, já por ter uma costa belíssima, já por haver montanhas para explorar; o trabalho é muito interessante, já no conteúdo e já na forma escolhida para o apresentar). = OU, QUER

já agora • Já que chegamos a este ponto; a propósito.

já que • Introduz uma expressão de causa (ex.: tentamos novamente amanhã, já que hoje parece impossível). = COMO, DADO QUE, UMA VEZ QUE, VISTO QUE


substantivo masculino [Náutica] Pequena bandeira, içada à proa, mostrando a nacionalidade.
Bandeira de sinalização.
Etimologia (origem da palavra jaque). Do inglês jack.


O jaque ou jaco constitui uma bandeira cerimonial destinada a ser içada na proa de um navio, por oposição à bandeira nacional ou pavilhão, que se destina a ser içada à popa. Os termos “jaque” e “jaco” derivam da palavra inglesa “jack”, que, por sua vez se refere à Union Jack, a bandeira nacional e jaque naval do Reino Unido. A maioria dos países tem apenas um único jaque nacional, normalmente para uso exclusivo dos navios de guerra (é o caso de Portugal ou do Brasil, onde é chamado “Bandeira do Cruzeiro”). No entanto, outros países podem ter vários jaques, para usos distintos. O Reino Unido e os Países Baixos possuem jaques civis, para uso em embarcações mercantes. Vários departamentos governamentais do Reino Unido têm jaques privativos para uso nas respetivas embarcações. As embarcações mercantes de alguns países içam como jaque, a bandeira da divisão administrativa (estado, província ou município) onde se encontra o seu porto de armamento (é o caso da Alemanha ou, antigamente, de Portugal).