mago




mago | s. m. | adj.
ma·go
(latim magus, -i, do grego mágos, -ou )
nome masculino

1. Sacerdote da religião de Zoroastro ou Zaratustra.

2. [Por extensão]   [Por extensão]   Mágico, feiticeiro.adjectivo adjetivo

3. [Figurado]   [Figurado]   Encantador, muito bonito; fascinador.

4. [Religião]   [Religião]   Diz-se de cada um dos três reis que adoraram a Jesus Cristo recém-nascido.


substantivo masculino Sábio que, entre os persas, era especialista no estudo dos astros.
[Religião] Os três reis que presenciaram o nascimento de Jesus Cristo.
Adivinho; quem faz previsões ou se julga capaz de adivinhar.
Bruxo; quem faz feitiçaria ou bruxaria.
adjetivo Encantador; capaz de seduzir ou encantar: o mago poder das palavras.
Etimologia (origem da palavra mago). Do latim magus.i.


Mago (em latim: magus; em grego clássico: μάγος; transl.: mágos; em acádio: maguš; em persa antigo: magu-; em parta: mgw) é o título que designa os sacerdotes zoroastristas nos Impérios Medo, Aquemênida, Arsácida e Sassânida. Sob os sassânidas, o sacerdote superior ainda utilizava o título de mobede (em persa médio: mowbed; em persa antigo: <* magu-pati- , lit. "chefe dos magos") ou magopetes (em armênio: magpet). Na inscrição Feitos do Divino Sapor, o xá Sapor I (r. 240–270) chamou seus sacerdotes de antropo mago (em grego clássico: ανθρωποις μαγοις; transl.: anthropois magois) e mgwGBRʾ.