pinhão

pinhão | s. m.
pi·nhão
(espanhol piñon )
nome masculino

1. Semente de pinheiro manso. = PENISCO

2. [Botânica]   [Botânica]   Planta anonácea de Cabo Verde.

3. [Arquitectura]   [Arquitetura]   [Arquitetura]   Ornamento triangular sobre portais, portas, janelas, etc. = GABLETE


substantivo masculino Cada uma das sementes contidas na pinha; semente do pinheiro.
Peça do diferencial dos automóveis.


Pinhão é a designação genérica da semente de várias espécies de pinaceaes e araucariaceaes, plantas gimnospérmicas, isto é, cuja semente não se encerra num fruto. O pinhão se forma dentro de uma pinha, fechada, que com o tempo vai-se abrindo até liberar o pinhão. Nas pináceas (a exemplo do Pinus elliottii), as sementes são dotadas de uma película, como uma espécie de asa, que se descola da pinha madura e possibilita que as sementes sejam espalhadas pelo vento, iniciando-se assim o processo de crescimento de um novo pinheiro.
No Brasil, o termo “pinhão” geralmente designa as sementes da Araucaria angustifolia, árvore de destacada importância cultural, econômica e ambiental no sul e em algumas partes do sudeste do Brasil. Já em Portugal, o termo “pinhão” (ou penisco) designa o que no Brasil se chama de “pinhão miúdo” (ou pinolo, em italiano), que vem do pinheiro-manso e é bem menor que o pinhão brasileiro.




Deixe um comentário