planalto

planalto | s. m.
pla·nal·to
(plano + alto )
nome masculino

1. Terreno elevado que se estende em planície. = ACHADA, CHAPADA

2. [Brasil]   [Brasil]   O poder, o governo brasileiro (ex.: fontes ligadas ao Planalto confirmam que o Presidente assinou o documento). (Geralmente com inicial maiúscula.)


substantivo masculino Superfície plana ou com poucos desníveis, elevada e circundada por vales: o planalto é uma conhecida forma de relevo.
[Política] Palácio do Planalto; a sede do governo brasileiro, da presidência da República, do poder executivo, situada em Brasília, no planalto Central.
Etimologia (origem da palavra planalto). Plan(o) + alto.


Planalto, também chamado altiplano ou platô, é a classificação dada a uma forma de relevo constituída por uma superfície elevada, com cume quase nivelado, geralmente devido à erosão eólica ou pelas águas. São como topos retos, superfícies topográficas, que podem ser regulares ou não.
É convencional designar planalto apenas as formações com altitudes maiores que 300 metros. Podemos considerar, por exemplo, o planalto do Tibete, o maciço central da França ou mesmo a Meseta Ibérica como superfícies planálticas importantes.
Planaltos podem ser formados por um grande número de processos, incluindo, emersão de magma, dispersão de magma, e erosão por água ou derretimento de geleiras. Magma emerge do manto causando a elevação do terreno, desta forma, largas rochas são elevadas. Planaltos podem ser construídos devido a processos erosivos de glaciações em áreas montanhosas, neste caso os planaltos encontram-se ao redor de montanhas. Água também pode erodir montanhas e outras formas de relevo em planaltos.