provérbio

provérbio | s. m.
pro·vér·bi·o
substantivo masculino

1. Máxima expressa em poucas palavras e tornada vulgar.

2. Rifão; anexim; adágio.

3. Comédia em um ou dois actos cujo tema é um provérbio.


substantivo masculino Frase, ou ditado curto de origem popular, que resume um conceito moral, uma norma social: “só percebemos o valor da água depois que a fonte seca”.
[Cristianismo] Segundo os textos bíblicos, frase que possui o intuito de educar ou aconselhar; pensamento.
substantivo masculino plural Provérbios. Refere-se ao livro bíblico, Livro dos Provérbios, do Antigo Testamento, cujos textos têm o propósito de educar ou aconselhar.
Etimologia (origem da palavra provérbio). Do latim proverbium.ii.


Um provérbio (em latim: proverbium) é um ditado simples, concreto, tradicional, que expressa uma verdade baseada no senso comum ou experiência. Provérbios são frequentemente metafóricos.
Alguns provérbios existem em mais de um idioma porque as pessoas os emprestam de línguas e culturas semelhantes às deles. No Ocidente, a Bíblia (incluindo, mas não se limitando ao Livro dos Provérbios) e o latim medieval (auxiliado pelo trabalho de Erasmo) desempenharam um papel considerável na distribuição de provérbios. Nem todos os provérbios bíblicos, no entanto, foram distribuídos na mesma medida: um estudioso reuniu evidências para mostrar que as culturas em que a Bíblia é o grande livro espiritual contêm entre trezentos e quinhentos provérbios que derivam da Bíblia” enquanto outro acadêmico mostra que, dos 106 provérbios mais comuns e generalizadas em toda a Europa, onze são da Bíblia. No entanto, quase toda cultura tem seus próprios provérbios únicos.




Deixe um comentário