querela

querela | s. f. 3ª pess. sing. pres. ind. de querelar 2ª pess. sing. imp. de querelar
que·re·la |é| que·re·la |é|
nome feminino

1. Discussão; debate; contestação; disputa.

2. Pendência.

3. Queixa ou denúncia apresentada em juízo e na qual se pede imposição de pena e reparação de agravo.

4. Libelo.

5. [Linguagem poética]   [Linguagem poética]   Queixume; lamento; queixa.

6. Canto terno ou plangente.
que·re·lar que·re·lar – Conjugar
verbo intransitivo

1. Promover querela contra alguém.

2. Queixar-se em juízo.

3. Disputar; ralhar; discutir.verbo pronominal

4. Queixar-se, lamentar-se.


substantivo feminino [Jurídico] Ação através da qual uma ação jurídica é iniciada, por meio da exposição feita pela parte ofendida ou por quem a representa legalmente; queixa-crime.
[Por Extensão] Conflito, divergência de interesses: querela entre comerciantes.
[Por Extensão] Discussão acalorada sobre pontos de vista contrários; debate.
[Poética] Canto lastimoso: querelas poéticas.
[Antigo] Demonstração de sofrimento; queixume que expressa desgosto; lamento, queixa.
Etimologia (origem da palavra querela). Do latim querela.ae.