relâmpago

relâmpago | s. m. | adj. 2 g. 2 núm.
re·lâm·pa·go
(origem controversa )
nome masculino

1. Clarão súbito e rápido proveniente de descarga eléctrica entre duas nuvens ou entre uma nuvem e a Terra.

2. [Figurado]   [Figurado]   Resplendor, luz intensa que deslumbra.

3. O que brilha repentinamente e logo se desvanece.adjectivo de dois géneros e de dois números adjetivo de dois géneros e de dois números

4. Que é muito rápido (ex.: operação relâmpago). [Como adjectivo , pode ser ligado por hífen ao substantivo que qualifica (ex.: guerra-relâmpago).]

Sinónimo Sinônimo Geral: RELÂMPADO


substantivo masculino Clarão resultante de descarga elétrica que se produz entre duas nuvens ou entre uma nuvem e a terra.
[Figurado] Luz intensa de curta duração.
[Figurado] O que se passa rapidamente.


O relâmpago (do latim: re- + lampare, infinitivo de lampare, “brilhar”), também referido como corisco, lôstrego ou relampo, é a emissão intensa de radiação electromagnética resultante de uma descarga electrostática na atmosfera (o raio) produzida por uma grande diferença de potencial elétrico entre porções de matéria (nuvem-nuvem ou solo-nuvem). A descarga provoca uma corrente eléctrica de grande intensidade que ioniza o ar ao longo do seu percurso, criando um plasma sobreaquecido que emite radiação electromagnética, parte da qual sob a forma de luz no espectro visível (o relâmpago propriamente dito). O relâmpago é percebido pelo olho humano como um repentino clarão de intensa luminosidade, frequentemente com acentuada cintilação, que precede ou acompanha o trovão, embora durante a noite o relâmpago possa ser visto sem ser acompanhado pelo trovão (fenómeno conhecido por “gelação”) e durante o dia o trovão possa ser ouvido sem que o relâmpago seja percebido.




Deixe um comentário