rima

rima | s. f. rima | s. f. rima | s. f. | s. f. pl. 3ª pess. sing. pres. ind. de rimar 2ª pess. sing. imp. de rimar
ri·ma 3
(latim rima, -ae )
substantivo feminino

1. Abertura estreita e comprida. = FENDA, FISGA, GRETA

2. Pequena ferida cinzenta na mama das fêmeas (do gado).
ri·ma ri·ma 2
(árabe rizma, pacote, embrulho )
substantivo feminino

1. Porção de coisas acumuladas ou sobrepostas. = ACERVO, MONTÃO, PILHA, RUMA

2. Acto ou efeito de arrimar.

3. [Regionalismo]   [Regionalismo]   Restos; vestígios.
ri·ma ri·ma 1
(latim rhythmos, -i ou rhythmus, -i, movimento regular, cadência, ritmo )
substantivo feminino

1. Uniformidade de sons na terminação de duas ou mais palavras.

2. [Versificação]   [Versificação]   Repetição do mesmo som, no fim de dois ou mais versos.

3. Palavra que rima com outra (ex.: preciso de uma rima para “alma”).

4. Canto das aves.

5. [Fonética]   [Fonética]   Parte de uma sílaba que inclui o núcleo e a coda.

6. [Brasil]   [Brasil]   [Botânica]   [Botânica]   Árvore da família das moráceas (Artocarpus incisa), cujos frutos, grandes, têm alto valor nutricional. = ÁRVORE-DO-PÃO, FRUTA-PÃO
rimassubstantivo feminino plural

7. Conjunto de versos de um poema, geralmente rimados.

8. Colectânea de poemas.

oitava rima • [Versificação]   • [Versificação]   Estrofe de oito versos, dos quais os versos pares rimam entre si e os ímpares também, excepto o sétimo verso que rima com o oitavo.

rima alternada • [Versificação]   • [Versificação]   Aquela em que os versos pares e ímpares rimam respectivamente entre si.

rima assoante • [Versificação]   • [Versificação]   Rima toante.

rima consoante • [Versificação]   • [Versificação]   Aquela em que desde a vogal da sílaba predominante há perfeita semelhança de som.

rima emparelhada • [Versificação]   • [Versificação]   A que faz rimar dois versos seguidos.

rima encadeada • [Versificação]   • [Versificação]   Rima do final de um verso com o meio do verso seguinte.

rima interpolada • [Versificação]   • [Versificação]   Aquela em que dois versos que rimam têm de permeio de um até seis versos.

rima pobre • [Versificação]   • [Versificação]   Aquela em que as palavras têm a mesma categoria gramatical (ex.: feliz/infeliz).

rima rica • [Versificação]   • [Versificação]   Aquela em que as palavras são de categorias gramaticais diferentes (ex.: alegria/fazia).

rima toante • [Versificação]   • [Versificação]   Aquela que só existe na igualdade das vogais a partir da sílaba predominante.
ri·mar ri·mar – Conjugar
verbo transitivo

1. Pôr em verso.verbo intransitivo

2. Ter os sons exigidos pela rima.

3. Fazer versos que rimam.

4. [Figurado]   [Figurado]   Dizer bem, ser coerente, concordar.


substantivo feminino Processo de repetição dos sons no final de dois ou mais versos.
Repetição de sons idênticos, iguais ou parecidos, em uma ou várias sílabas, nos finais de duas ou mais palavras.
[Por Extensão] Palavra que possui rima: alegria é rima de ousadia.
Som que permanece idêntico no final de uma ou mais palavras.
Palavra de terminação idêntica a outra: cala é rima de fala.
substantivo feminino plural Reunião das palavras que compõem um poema; versos.
Etimologia (origem da palavra rima). Do grego rhythmós.oû; pelo latim rythmus.i.
substantivo feminino Conjunto de coisas colocadas umas sobre outras; monte.
Ação ou efeito de arrimar, de colocar em rima, em ordem, em pilha.
Etimologia (origem da palavra rima). Do latim rhythmus.i.
substantivo feminino Pequena fenda, fissura; rachadura.
[Zoologia] Pequena ferida localizada na mama das fêmeas do gado.
[Anatomia] Fissura comprida e estreita entre duas coisas simétricas, com simetria.
Etimologia (origem da palavra rima). Do latim rima.ae.


Rima é uma homofonia externa, em um sentido antigo, na tradição literária de língua portuguesa, constante da repetição da última vogal tônica do verso e dos fonemas que eventualmente a seguem. No entanto, a rima pode ser classificada segundo sua Posição no Verso, sua Posição na Estrofe, a sua Sonoridade, a Tonicidade e ainda o seu Valor, podendo-se rimar, pouco usualmente, consoantes, e, na tradição de língua inglesa, sílabas átonas. Ou seja, o uso e o conceito usual de rima pode variar de uma língua para outra. Existem ainda outras possibilidades de rima usadas ao longo da história, mas somente estudadas a partir do século XX.




Deixe um comentário