bookmark_borderO que é anel

anel | s. m.
a·nel
(latim anellus, -i, pequeno anel )
substantivo masculino

1. Objecto circular, geralmente de matéria dura, que serve para prender qualquer coisa. = ARGOLA, ELO

2. Pequeno aro, frequentemente de metal precioso, que se usa num dos dedos (ex.: anel de ouro).

3. Objecto ou estrutura com forma circular.

4. Caracol de cabelos, recurvado em forma de aro.

5. Aro de papel ou cartolina usado como envoltório.

6. [Anatomia]   [Anatomia]   Orifício em músculo ou aponeurose, para a passagem de músculos ou nervos.

7. [Arquitectura]   [Arquitetura]   [Arquitetura]   Moldura circular que circunda uma coluna.

8. [Astronomia]   [Astronomia]   Conjunto de matéria ou poeira que orbita à volta de um corpo celeste, geralmente um planeta, com aparência de um disco (ex.: conseguiu observar os anéis de Saturno).

9. [Botânica]   [Botânica]   Cada uma formas circulares visíveis num corte transversal do tronco das árvores, que corresponde a uma fase do seu desenvolvimento.

10. [Geometria]   [Geometria]   Superfície situada entre dois círculos concêntricos.

11. [Matemática]   [Matemática]   Conjunto provido de duas leis de composição interna, a primeira conferindo-lhe a estrutura de grupo comutativo, sendo a segunda associativa e distributiva em relação à primeira.

12. [Ortografia]   [Ortografia]   Sinal diacrítico em forma de pequeno círculo, usado em especial sobre alguns sobre alguns caracteres (ex.: Å) de algumas línguas nórdicas.

13. [Zoologia]   [Zoologia]   Cada uma das peças circulares que, juntando-se, formam a parte exterior dos anelados.

anel do pescador • [Religião católica]   • [Religião católica]   Selo pontifício.

anel esclerótico • [Biologia]   • [Biologia]   Estrutura circular óssea que se encontra no interior da esclera de alguns vertebrados.

anel rodoviário • [Brasil]   • [Brasil]   Via rápida que circunda, total ou parcialmente, uma cidade ou uma área metropolitana, permitindo o escoamento do trânsito sem a atravessar. (Equivalente no português de Portugal: circular.) = CIRCUNVALAÇÃO, RODOANELPlural: anéis. Plural: anéis.


substantivo masculino Círculo de matéria dura, a que se prende alguma coisa; elo; argola.
Pequeno círculo de ouro, prata etc., com pedra preciosa ou outro ornamento, usado como enfeite nos dedos das mãos: anel de doutor; anel episcopal.
[Arquitetura] Listel, filete.
Geometria. Anel esférico, sólido gerado pela rotação de um segmento de círculo em torno de um diâmetro que não o atravessa.
[Astronomia] Anéis de Saturno, círculos luminosos concêntricos, situados no plano equatorial de Saturno e construídos por partículas sólidas de dimensões variadas que se deslocam cada uma com velocidade própria.
Anel de cabelo, caracol ou espiral de cabelo encrespado.
Vão-se os anéis e fiquem os dedos, frase feita, que significa ser preferível abrir mão do acessório para ficar com o indispensável.


O anel era símbolo de autoridade e de respeito. Os hebreus, os gregos e os romanos usavam-nos. Alguns anéis serviam de sinetes para selar atos importantes. Os escravos eram proibidos de usá-los. Os anéis também servem para indicar a profissão de alguma pessoa: o advogado e o jornalista usam um anel vermelho, com a pedra rubi; o engenheiro e o filósofo usam um anel azul, com a pedra safira; o farmacêutico usa um anel amarelo, com a pedra topázio; o médico usa um anel verde, com a pedra esmeralda; e o teólogo usa um anel lilás, com a pedra ametista. Na atualidade, os anéis são também símbolo de compromisso, nomeadamente o casamento, o noivado.
Para representar as uniões amorosas (tais como casamento), utiliza-se a aliança.
Hoje em dia, é possível comprar anéis com pedras preciosas como rubis, diamantes, esmeraldas, safiras etc.. Estes anéis (comprados em joalherias) são apenas usados como presentes.
Os anéis de noivado, podem ter pedras de todos os tamanhos. Eles começaram a ser usados a partir do século III, porque o papa Inocêncio III disse que teria que haver um tempo entre o compromisso de casar e o casamento (noivado). Já as alianças passaram a ser o símbolo do casamento nos rituais cristãos a partir do séc. XI. A aliança é usada no 4.º dedo da mão esquerda porque acreditava-se que desse dedo saía uma veia direto para o coração – o qual, por sua vez, acreditava-se ser o centro das emoções.


bookmark_borderO que é maquilhagem

maquilhagem | s. f.
ma·qui·lha·gem
(maquilhar + -agem )
nome feminino

1. Acto ou efeito de maquilhar.

2. Conjunto de cosméticos ou pinturas usado para maquilhar.

Sinónimo Sinônimo Geral: MAQUIAGEM, MAQUILAGEM


substantivo feminino Aplicação de produtos cosméticos no rosto com propósitos de embelezamento ou para alterar a própria aparência; maquiagem.
Conjunto de cosméticos usado para maquilhar; maquiagem: prefere comprar maquilhagem no exterior.
Etimologia (origem da palavra maquilhagem). Maquilhar + agem.


Maquilhagem (português europeu) ou maquilagem, maquiagem (português brasileiro) (do francês maquillage) consiste na aplicação de produtos com efeito cosmético, de embelezamento, ou disfarce, seguindo-se alguns casos os ditames da moda e com uso de substâncias especificamente destinadas a tal fim.


bookmark_borderO que é acessório

acessório | adj. | s. m.
a·ces·só·ri·o
(latim tardio *accessorius, -a, -um, do latim accedo, -ere, ir para, aproximar-se, colocar-se ao lado de, aderir )
adjectivo adjetivo

1. Que se junta ou incorpora por acessão.

2. Que se pode dispensar. = SECUNDÁRIO ≠ ESSENCIAL, FUNDAMENTAL, INDISPENSÁVEL

3. Que não é muito importante.substantivo masculino

4. O que está junto a coisa principal. = COMPLEMENTO

5. Circunstância acidental.

6. Peça que completa ou melhora o funcionamento de algo.

7. Peça ou adorno que se acrescenta ao vestuário.Confrontar: assessório.


adjetivo Aquilo que segue ou acompanha o principal; que é menos importante, secundário: elementos acessórios do quadro.
substantivo masculino Coisa secundária, não essencial; detalhe: tomar o acessório pelo principal.
[Automóvel] Instrumento, aparelho ou dispositivo que não faz parte integrante de um veículo: acessórios de automóveis.
[Gramática] Complemento que não é essencial ao sentido da frase, mas realça uma característica ou circunstância; atributo.
Objeto usado para enfeitar, adorno: além dos colares, ela usava muitos outros acessórios.
[Cinema Literatura Teatro] Objetos de cena usados em filmes, peças de teatro, etc.
Etimologia (origem da palavra acessório). Do latim medieval “accessoriu”-, ajuntar.


Acessório, em moda, refere-se a algum item decorativo que suplementa ou enfeita o vestuário de uma pessoa, como jóias, luvas, bolsas, chapéus, cintos, cachecóis, relógios de pulso, óculos de sol, cintas-liga, laços, polainas, collants, gravata, suspensórios, entre outros.
Acessórios somam cor, estilo e classe ao traje básico, e criam um certo visual, mas também podem ter funções práticas. Bolsas servem para carregar objetos, chapéus protegem o rosto de elementos meteorológicos, e luvas mantêm as mãos quentes.
Muitos acessórios são produzidos por companhias de design de roupas. No entanto, existem muitos indivíduos que fazem sua própria grife ao desenhar e criar uma marca pessoal.
Podem ser usados como símbolos visuais externos de afiliação cultural ou religiosa: Crucifixos, Estrelas de Davi, o turbante islâmico, quipá judaico e solidéu católico são exemplos comuns. Marcas famosas em acessórios são vistas como um indicador de status social.Acessórios também estão disponíveis na forma de braceletes, colares e brincos.


bookmark_borderO que é lantejoula

lantejoula | s. f. 3ª pess. sing. pres. ind. de lantejoular 2ª pess. sing. imp. de lantejoular
lan·te·jou·la
(alteração de lentejoula )
nome feminino

Pequeno disco ou palheta de metal para enfeite de vestuário. = LANTEJOILA, LENTEJOILA, LENTEJOULA
lan·te·jou·lar lan·te·jou·lar – Conjugar
(lantejoula + -ar )
verbo transitivo

1. Guarnecer de lantejoulas.verbo intransitivo

2. Brilhar como as lantejoulas.

Sinónimo Sinônimo Geral: LANTEJOILAR, LENTEJOILAR, LENTEJOULAR


substantivo feminino Pequena lâmina cintilante, de metal ou vidro, com orifício para enfiar a linha, que serve para enfeitar vestidos ou bordados. (Var.: lantejoila, lentejoula, lentejoila.).


Uma lantejoula ou lentejoula (do latim lenticula, mesma raiz de “lentilha”) é um ornamento em formato de pequenos discos para decorar roupas e acessórios de moda. São fabricadas em uma grande variedade de cores e formas geométricas.
No entanto, as atuais fábricas diferenciam paetê de lantejoula pelas suas formas: a lantejoula teria a borda sextavada e o paetê é totalmente liso. Além disso, a lantejoula é sempre um disco circular e o paetê pode ser apresentado em outras formas: quadrado, flor etc. Outra diferença que o furo da lantejoula sempre seria no meio do disco e o furo do paetê pode vir na ponta, facilitando a costura.São usadas bastante em fantasias de carnaval e em trabalhos escolares.
Um tecido bordado com lantejoulas recebe o nome de “paetê” (do francês pailleté).


bookmark_borderO que é pince-nez

pince-nez | s. m. 2 núm.
pince-nez |pãcenê|
(palavra francesa )
nome masculino de dois números

Ver pincenê.



Pince-nez ou Pincenê é um nome proveniente da língua francesa, formado a partir de “pincer” (beliscar) e “nez” (nariz). Foi um modelo de óculos usado do século XV até o início do século XX, cuja estrutura era desprovida de hastes. Sua fixação era feita apenas fixando-o sobre o nariz. Diferente dos Lornhons cujo modelo era dotado de haste lateral para ser colocado em frente aos olhos, o Pince-nez prendia seus aros como uma pinça a ossatura do nariz. O modelo foi superado pelos óculos de hastes modernos como os Numont cujos aros superiores ou inferiores eram finos e ofereciam leveza e segurança.


bookmark_borderO que é cinto

cinto | s. m. 1ª pess. sing. pres. ind. de cintar
cin·to
(latim cinctus, -us )
substantivo masculino

1. Acessório que consiste numa fita ou correia, com fivela ou outro tipo de fecho, que aperta a cintura.

2. Tira de peça de roupa que rodeia a cintura. = CINTA, CÓS

3. [Desporto]   [Esporte]   Tira colorida usada à cintura que identifica o nível do praticante de determinados desportos como caraté ou judo (ex.: cinto negro). = CINTURÃO

4. O mesmo que cinto de segurança.

5. Faixa de terreno cercado. = CERCA, CERRADO

6. Aquilo que rodeia. = CERCO

7. Zona.

apertar o cinto • Reduzir gastos, sobretudo em época de crise. = POUPAR

cinto de castidade • Dispositivo cujo objectivo era impedir a troca de contactos sexuais.

cinto de ligas • Faixa usada à cintura, dotada de fitas que se prendem às meias.

cinto de salvação • Dispositivo insuflável ou de material flutuante que se coloca à volta do tronco, por baixo dos braços.

cinto de segurança • Dispositivo ajustável de segurança que prende o passageiro ao banco, impedindo-o de ser projectado de determinados veículos. = CINTO
cin·tar cin·tar – Conjugar
(cinta + -ar )
verbo transitivo

1. Pôr cinta em; cingir, cercar.

2. Pôr arcos (em vasilhas de aduela).

3. Vincar a cintura a uma peça de vestuário.


substantivo masculino Faixa ou fita que cinge o meio do corpo com uma só volta, presa por uma fivela ou outro objeto usado para fechar; correia.
Designação da cintura; cós.
Muro circular; cercado, cerca, cinturão.
Faixa que, atravessa transversalmente o tronco, se prende na lateral do banco do carro; cinto de segurança: não dirija sem o cinto!
[Regionalismo: NE] Comprida bolsa de malha para conduzir dinheiro, levada em viagem, à cintura.
Etimologia (origem da palavra cinto). Do latim cinctus, de cingere “cingir”.


Cinto é um artigo de moda, que consiste numa tira flexível, geralmente feita de couro ou de tecido resistente, que envolve a cintura, e é usado para segurar as calças ou, simplesmente, como adorno do vestuário.


bookmark_borderO que é balaclava

balaclava | s. f.
ba·la·cla·va
(Balaclava, topónimo [cidade da Crimeia ] )
nome feminino

Gorro justo de malha, que cobre a cabeça até ao pescoço ou até aos ombros, com abertura para os olhos e, por vezes, para o nariz e para a boca, geralmente usado para protecção por montanhistas, esquiadores, pilotos, militares, etc. = COGULA, PASSA-MONTANHAS
• Confrontar: baclava .


substantivo feminino Peça de malha feita para aquecer ou defender a cabeça, que a cobre toda até o pescoço, com uma abertura apenas para os olhos.
Etimologia (origem da palavra balaclava). Pal. ucraniana.


Uma Balaclava (português europeu) ou Balaclava (português brasileiro) é um gorro confeccionado normalmente com malha de lã (misturada com tecidos elásticos) que se veste de forma ajustada na cabeça até o pescoço. Sua função tradicional é a proteção contra o frio.


bookmark_borderO que é velcro

velcro | s. m.
vel·cro
(Velcro, marca registada )
nome masculino

1. Conjunto de dois tecidos cujas superfícies aderem, utilizado para o fecho de vestuário, acessórios, etc.

colar velcro • [Brasil, Calão]   • [Brasil, Tabuísmo]   Praticar acto sexual pelo atrito recíproco dos órgãos genitais de duas mulheres.


substantivo masculino Tecido fabricado em tiras duplas, aderentes, usado como fecho ou para fixar, uma na outra, duas coisas diversas ou duas partes de uma mesma coisa. (Uma das tiras tem inúmeras pequeninas alças e a outra, outros tantos ganchinhos, que se prendem nelas com uma simples pressão dos dedos, fazendo as duas partes aderirem mutuamente.).
Etimologia (origem da palavra velcro). Marca registrada, do francês velours croché.


As empresas Velcro produzem um mecanismo em série com base em produtos, incluindo fechamentos com fixação por sistema de gancho e argola, sob a marca de nome “Velcro”.


bookmark_borderO que é miçanga

missanga miçanga | s. f.
mis·san·ga mi·çan·ga
(talvez do quimbundo misanga, plural de musanga, conta de vidro )
nome feminino

1. Conta miudinha e redonda, de louça ou massa de vidro.

2. Ornato feito dessas contas.

3. Variedade de caracteres tipográficos muito miúdos, correspondente ao tipo 5.

4. Miudezas, bagatelas, bugigangas.
Ver também dúvida linguística: missanga.
• Grafia no Brasil: miçanga. • Grafia no Brasil: miçanga. • Grafia em Portugal:missanga. • Grafia em Portugal:missanga.


substantivo feminino Conta de vidro pequena e colorida: pulseira de miçangas.
Enfeite feito com essas contas.
Tipografia. Letra de imprimir, muito pequena, de corpo quatro.
substantivo feminino plural Miudezas, bugigangas, quinquilharia.
Etimologia (origem da palavra miçanga). Talvez do quimbundo misanga.


Uma miçanga (português brasileiro) ou missanga (português europeu) é um pequeno objeto decorativo feito de materiais naturais como pedra, ossos, conchas, madeira ou, na maioria dos casos, de vidro. Costuma ser usado para enfeitar colares (ou qualquer ornamento feito com esses vidrilhos), e são reconhecíveis por serem dotados de um pequeno furo no centro para rosqueamento ou encordoamento. Depois, são atados a um fio, corrente ou colar.O uso de miçangas se originou na África do Sul e países adjacentes, onde possuem um valor espiritual, já que esses colares eram usados em seus primórdios para a oração ou devoção, ou talvez, para afugentar maus espíritos. Atualmente, a maior parte da criação de miçangas é voltada para acessórios de beleza. Costumam ser vendidas nas praias.


bookmark_borderO que é brinco

brinco | s. m. | s. m. pl. 1ª pess. sing. pres. ind. de brincar
brin·co
nome masculino

1. Acção de brincar.

2. Enfeite pendente das orelhas. = ARRECADA, PINGENTE

3. Bugiganga.

4. Aquilo que é muito bonito ou muito limpo (ex.: a casa ficou um brinco).

5. Galantaria.

6. Gracejo, galhofa.
brincosnome masculino plural

7. Brincadeiras.
brin·car brin·car – Conjugar
verbo intransitivo

1. Divertir-se.

2. Entreter-se com alguma coisa infantil.

3. Galhofar; gracejar.

4. Agitar maquinalmente.

5. Proceder levianamente.

6. [Figurado]   [Figurado]   Agitar-se (diz-se das ondas).verbo transitivo

7. Enfeitar com ornatos; rendilhar.


substantivo masculino Um dos mais antigos ornamentos conhecidos pela humanidade, consiste num enfeite para as orelhas.
Os brincos podem ser de pedras preciosas engastadas em ouro, prata ou platina. Os brincos de bijuteria, feitos com pedras semipreciosas, com pedras de imitação ou com outros materiais, são populares sobretudo por seu preço baixo.


Brincos são peças de joalheria ou bijuteria que servem para adornar as orelhas. Podem ser usados tanto por mulheres como por homens. Os brincos são uma espécie simples de piercing, atravessando o lóbulo ou qualquer outra parte externa das orelhas, ou podem ser presos externamente, por uma espécie de clipe.
Os brincos podem ser feitos de inúmeros materiais, como metal, plástico, vidro, pedras preciosas ou contas. O tamanho é geralmente limitado pela capacidade física do lóbulo em levar o brinco sem sofrimento físico.
Os brincos são utilizados em todo o mundo, nas mais variadas culturas, e é comum colocá-los nas meninas logo após seu nascimento.