bookmark_borderO que é demiurgo

demiurgo | s. m.
de·mi·ur·go |ú| de·mi·ur·go |ú|
nome masculino

O deus criador (entre os platónicos ).


substantivo masculino Nome do deus criador, na filosofia platônica.
[Por Extensão] Qualquer ser que represente uma divindade.
[Figurado] Todo criador de algo extraordinário ou grandioso.
[Religião] Ser intermediário que, segundo algumas designações cristãs (platônica ou gnóstica), participou da criação do mundo.
Etimologia (origem da palavra demiurgo). Do grego demiourgós.


Demiurgo (grego, δημιουργός, demiourgos) significa “o que trabalha para o público, artífice, operário manual”, demios significando “do povo” (como em demos, povo) e -ourgos, “trabalhador” (como em ergon, trabalho.)
No sentido de “trabalhador para o povo”, a palavra foi usada em todo o Peloponeso, com exceção de Esparta, e em muitas partes da Grécia, como sinônimo de um alto magistrado. No pensamento cosmogônico de Platão, o termo designa o artesão divino – causa da alma do mundo – que, sem criar de fato o universo, dá forma a uma matéria desorganizada imitando as essências eternas, tendo os deuses inferiores, criados por ele, como tarefa a produção dos seres mortais. No pensamento gnóstico, o demiurgo, criador do mundo é distinto do Deus supremo e em geral considerado mau, enquanto que para Platão o demiurgo é bom: “Ele era bom e, naquilo que é bom, nunca surge inveja de nada; e sendo desprovido de inveja, desejou que todos fossem, tanto quanto possível, semelhantes a Ele”.


bookmark_borderO que é onisciência

omnisciência onisciência | s. f.
om·nis·ci·ên·ci·a o·nis·ci·ên·ci·a
nome feminino

Qualidade de omnisciente .• Grafia no Brasil: onisciência. • Grafia no Brasil: onisciência. • Grafia em Portugal:omnisciência. • Grafia em Portugal:omnisciência.


substantivo feminino Característica ou condição de onisciente, que tudo sabe e conhece: os cristãos acreditam na onipresença, onisciência e onipotência de Deus.
Saber absoluto; conhecimento abundante sobre tudo.
[Teologia] Um dos atributos de Deus nas religiões monoteístas: onisciência divina.
Etimologia (origem da palavra onisciência). De onisciente (-te); oniscienc + ia.


Onisciência (português brasileiro) ou omnisciência (português europeu) é deter todo o saber, saber tudo que seja cognoscível e incognoscível, incluindo possibilidades, pensamentos, sentimentos, vida, passado, presente, futuro, e todo universo, etc. Em relação ao espaço-tempo há a noção de passado, presente e futuro, e o ser onisciente é capaz de saber tudo o que passou, desde a origem do universo até o que se passará, nos confins do mesmo.
A onisciência é um conceito vastamente aplicado nas artes, como na literatura e em produções cinematográficas. A saber: na narração, o narrador onisciente (3ª pessoa) – conhece tudo a respeito das personagens, suas ações e sentimentos, mas não faz parte da história.
Na maioria das religiões monoteístas esta habilidade extraordinária e não experimentável é tipicamente atribuída a um único Deus supremo, onde o conceito da onisciência se mantêm tradicionalmente como uma verdade absoluta.