bookmark_borderO que é senda

senda | s. f.
sen·da
(latim semita, -ae, caminho estreito, estrada, modo de vida, conduta )
nome feminino

1. Caminho estreito. = ATALHO, SENDEIRO, VEREDA

2. [Figurado]   [Figurado]   Direcção , caminho, rumo (ex.: enveredamos por uma nova senda de investigação).

3. [Figurado]   [Figurado]   Prática habitual. = HÁBITO, ROTINA


substantivo feminino Passagem estreita utilizada por pessoas ou animais de pequeno porte.
[Figurado] Direção; itinerário que se percorre para ir de um lugar para outro; o caminho: esperava uma coisa, mas sua vida tomou uma senda diferente.
[Figurado] Hábito; o que se faz por costume; prática habitual: desde criança sempre foi pela senda da música.
Etimologia (origem da palavra senda). Do latim semita.ae.


Senda, Sendeiro ou Caminho, é o termo técnico empregado em escolas de religião ou filosofia esotérica para designar um suposto percurso de progresso espiritual daquele que aspira à iluminação, à união com o divino ou a alguma espécie de iniciação.


bookmark_borderO que é reencarnação

reencarnação | s. f. derivação fem. sing. de reencarnar
re·en·car·na·ção
(re- + encarnação )
nome feminino

Acto ou efeito de reencarnar ou de entrar num corpo que não era o que ocupava numa existência anterior. (Forma considerada preferível a reincarnação.)
Ver também dúvida linguística: reedição ou re-edição, com o novo Acordo?.

re·en·car·nar re·en·car·nar – Conjugar
(re- + encarnar )
verbo transitivo, intransitivo e pronominal

Entrar uma alma num corpo que não era o que ocupava numa existência anterior. (Forma considerada preferível a reincarnar.)
Ver também dúvida linguística: reedição ou re-edição, com o novo Acordo?.


substantivo feminino Ato de reencarnar; nova encarnação.
[Espiritismo] Crença de que, após a morte, a alma da pessoa morta volta à vida pelo corpo de outra pessoa: acreditam que ele é a reencarnação de Mozart.
[Religião] Pelo Cristianismo, ressurreição dos corpos no dia Juízo Final ou no dia do julgamento final.
[Figurado] Retorno de algo com uma nova forma, aspecto.
Etimologia (origem da palavra reencarnação). Reencarnar + ção.


Reencarnação é uma ideia central de diversos sistemas filosóficos e religiosos, segundo a qual uma porção do Ser é capaz de subsistir à morte do corpo. Chamada consciência, espírito ou alma, essa porção seria capaz de ligar-se sucessivamente a diversos corpos para a consecução de um fim específico, como o auto-aperfeiçoamento ou a anulação do carma. A reencarnação pode ser definida como a ação de encarnar-se sucessivas vezes, ou seja, derivada do conceito aceito por doutrinas religiosas e filosóficas de que, na morte física, a alma não entra num estágio final, mas volta ao ciclo de renascimentos. No Ocidente, Heródoto menciona esta doutrina como sendo de origem egípcia, sendo que nessa concepção a reencarnação se dava instantaneamente após a morte, passando a alma para uma criatura que estava nascendo (que poderia ser da terra, da água ou do ar), percorrendo todas as criaturas em um ciclo de três mil anos.A reencarnação encontra defesa na filosofia desde as tradições indianas, no Oriente, e em Pitágoras no Ocidente. Atualmente, este conceito é aceito por filosofias e religiões do mundo todo, em especial na Ásia. É chamada também de transmigração da alma e metempsicose (esta última denominação é mais encontrada em filosofias orientais em que admite-se que alma pode regressar em corpos de animais).
Objeto de estudo da parapsicologia (considerada por alguns como pseudociência, enquanto por outros como um campo de pesquisa psicológica cientificamente válido), o consenso científico atual não suporta as alegações deste e de outros supostos fenômenos paranormais.


bookmark_borderO que é Cristo

cristo | s. m.
cris·to
(latim christus, -i, do grego khristós, -ê, -ón, ungido )
substantivo masculino

1. Redentor. (Geralmente com inicial maiúscula.)

2. Imagem de Cristo crucificado. (Geralmente com inicial maiúscula.)

3. [Desporto]   [Esporte]   Posição em que o ginasta se mantém nas argolas com os braços abertos.

4. [Brasil]   [Brasil]   Indivíduo que é vítima de enganos ou ardis.

antes de Cristo • Anterior à era cristã, que começa com o nascimento de Jesus Cristo (abreviatura a.C.).

depois de Cristo • Posterior à era cristã, que começa com o nascimento de Jesus Cristo (abreviatura d.C.).


substantivo masculino Designação somente atribuída a Jesus que significa ungido, consagrado; deve-se usar com as iniciais maiúsculas.
[Por Extensão] A representação de Jesus Cristo na cruz, crucificado.
Uso Informal. Quem sofre muitas injustiças ou maus-tratos.
Antes de Cristo. a.C. Designação do que ocorreu antes da era cristã.
Depois de Cristo. d.C. Designação do que ocorreu após a era cristã.
Ser o cristo. Uso Popular. Sofrer com os erros de outra pessoa: sempre fui o cristo lá de casa!
Etimologia (origem da palavra cristo). Do grego khristós.é.on.


Cristo é o termo usado em português para traduzir a palavra grega Χριστός (Khristós) que significa “Ungido”. O termo grego, por sua vez, é uma tradução do termo hebraico מָשִׁיחַ (Māšîaḥ), transliterado para o português como Messias.A palavra geralmente é interpretada como o sobrenome de Jesus por causa das várias menções a “Jesus Cristo” na Bíblia. A palavra é, na verdade, um título, daí o seu uso tanto em ordem direta “Jesus Cristo” como em ordem inversa “Cristo Jesus”, significando neste último O Ungido, Jesus. Os seguidores de Jesus são chamados de cristãos porque acreditam na doutrina de Jesus, o Cristo, ou Messias, sobre quem falam as profecias da Tanakh (que os cristãos conhecem como Antigo Testamento). A maioria dos judeus rejeita essa reivindicação e ainda espera a vinda do Cristo (ver Messianismo judaico). A maioria dos cristãos espera pela Segunda vinda de Cristo quando acreditam que Ele cumprirá o resto das profecias messiânicas.
A expressão “Jesus Cristo” surge várias vezes nos escritos gregos da Bíblia, no Novo Testamento, e veio a tornar-se a forma respeitosa como os cristãos se referem a Jesus, Homem Judeu que, segundo os evangelhos, nasceu em Belém da Judeia e passou a maior parte da sua vida em Nazaré, na Galileia, sendo por isso chamado, às vezes, de Jesus de Nazaré ou Nazareno. O título Cristo, portanto, confere uma perspectiva religiosa à figura histórica de Jesus.
A área da teologia cujo foco é a identidade, vida, e ensinamentos de Jesus é conhecida como Cristologia.
Khristós no grego clássico poderá significar coberto em óleo, sendo assim uma translação literal de Messias.