bookmark_borderO que é refutação

refutação | s. f. derivação fem. sing. de refutar
re·fu·ta·ção
nome feminino

1. Discurso com o qual se prova a não razão de outro.

2. [Retórica]   [Retórica]   Discurso com que se responde a objecções .
re·fu·tar re·fu·tar – Conjugar
(latim refuto, -are, repelir, reprimir, conter, refutar, desmentir )
verbo transitivo

1. Destruir com razões de peso o que outrem estabeleceu.

2. Rebater, destruir.

3. Não estar de acordo com. = CONTESTAR, NEGAR


substantivo feminino Contestação dos argumentos adversários, destruindo o que foi afirmado.
Réplica; o que se utiliza para contestar ou refutar as alegações contrárias.
[Retórica] Parte do discurso que se destina a contestação de argumentos.
Ação ou efeito de refutar, de negar, de rejeitar.
Etimologia (origem da palavra refutação). Do latim refutatio.onis.


Em lógica informal, uma refutação ou objeção, é uma razão que vai contra uma premissa, lema ou conclusão. A refutação de uma refutação é conhecida como retribuição.


bookmark_borderO que é corolário

corolário | s. m.
co·ro·lá·ri·o
(latim corollarium, -ii, pequena coroa, gratificação )
substantivo masculino

1. Consequência de uma verdade já estabelecida.

2. [Matemática]   [Matemática]   Consequência directa de uma proposição já demonstrada.

3. [Por extensão]   [Por extensão]   Consequência necessária.


substantivo masculino Situação que ocorre a partir de outras; resultado: o corolário desse benefício fiscal será o aumento de impostos.
[Por Extensão] O que resulta dessa situação; consequência: nem sempre a honestidade tem por corolário a amizade.
Verdade que é consequência de outra: o corolário desse governo foi a fome.
[Lógica] Proposição deduzida a partir de uma outra, anteriormente demonstrada, fazendo com que um conhecimento seja a ela acrescentado.
Ação de continuar um pensamento; ato de prosseguir um raciocínio.
Etimologia (origem da palavra corolário). Do latim corolarium.ii.


Um corolário (do latim tardio corollarĭum) é uma afirmação deduzida de uma verdade já demonstrada. Assim como proposição resultante de uma verdade.
É igualmente uma decorrência imediata de um teorema. Por exemplo, o comprimento da diagonal de um quadrado cujo lado possui comprimento

a

{\displaystyle a}
é dado por

a

2

{\displaystyle a\cdot {\sqrt {2}}}
. Isso é um corolário do teorema de Pitágoras.