bookmark_borderO que é gato

gato | s. m. | adj. s. m.
ga·to
(latim cattus, -i )
nome masculino

1. [Zoologia]   [Zoologia]   Mamífero (Felis catus) digitígrado, da ordem dos carnívoros, tipo da família dos felídeos, de que há várias espécies, uma das quais é o gato doméstico.

2. Vergalhão de ferro com espigões (grampo) para manter unidas as pedras das paredes.

3. Pedacinho de arame com que se conserta louça partida.

4. Peça de ferro em forma de grampo, entre a qual e a madeira da porta joga a tranqueta da aldraba.

5. Utensílio de tanoeiro para arquear as vasilhas.

6. Peça de ferro com que se endireitam as aduelas.

7. [Caça]   [Caça]   Ferro com um gancho para caçar.

8. Excesso de carne na parte superior do pescoço das cavalgaduras. (Também se diz gato carnoso.)

9. [Portugal: Trás-os-Montes]   [Portugal: Trás-os-Montes]   Erro, engano.

10. Troca de uma palavra ou de uma letra por outra, num texto escrito.

11. [Portugal: Alentejo]   [Portugal: Alentejo]   Pele preparada, em forma de odre, para levar vinho.

12. Pedaço de fazenda que o alfaiate furta ao freguês.

13. [Marinha]   [Marinha]   Gancho de que se dependura um moutão.

14. [Portugal: Trás-os-Montes]   [Portugal: Trás-os-Montes]   Mentira.

15. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]   Desvio ou prolongamento ilegal de um ponto de fornecimento de energia eléctrica (ex.: fazer um gato). = GAMBIARRAadjectivo e nome masculino adjetivo e nome masculino

16. [Brasil, Informal]   [Brasil, Informal]   Que ou o que é fisicamente atraente (ex.: ela é muito gata; o namorado é um gato).

aqui há gato • Expressão que indica suspeitas ou dúvidas relativamente a alguma coisa. = AQUI HÁ COISA

como gato por brasas • Ao de leve, superficialmente.

gato escondido com o rabo de fora • [Informal]   • [Informal]   Coisa que se quer escondida, mas que é descoberta por um pormenor, um descuido.

não poder com um gato pelo rabo • [Informal]   • [Informal]   Estar exausto, sem força física. = NÃO PODER COM UMA GATA PELO RABO


substantivo masculino Nome comum dado ao pequeno mamífero da família dos felídeos Felis Catus, carnívoro e doméstico, muito popular como animal de estimação; gato caseiro: meu gato adora se aninhar no meu colo.
[Popular] Homem muito bonito, de boa aparência; gatão, galã: meu namorado é um gato.
[Gíria] Ligação clandestina e ilegal de serviços como energia elétrica, internet e tevê a cabo; gambiarra.
[Construção] Peça que serve para unir dois blocos de pedra; grampo.
[Construção] Peça de metal que fica embutida na alvenaria e serve como elemento de fixação para corrimões e caixilhos; grapa.
[Gíria] Indivíduo que realiza pequenos furtos; gatuno, ladrão.
Peça de metal que serve para unir as partes de uma louça espedaçada.
[Náutica] Gancho de aço preso a uma corrente e que serve para suspender e movimentar cargas.
[Tipografia] Erro tipográfico com a troca de uma palavra por outra; erro, lapso.
[Popular] Serviço feito por fora durante o horário do expediente, sem autorização do chefe.
[Esporte] Goleiro muito hábil, muito flexível; goleiraço.
[Esporte] Nas corridas de cavalo, o cavalo sem pedigree que é colocado irregularmente entre os puros-sangues.
[Esporte] Cavalo de corrida que, por erro de registro, é tido como tendo sangue inferior ao que de fato tem.
[Brasil: NE] Mulher que vive com um homem como se fosse casada com ele, mas não o sendo perante a lei; concubina.
Etimologia (origem da palavra gato). Do latim cattus.


O gato (Felis silvestris catus), também conhecido como gato caseiro, gato urbano ou gato doméstico, é um mamífero carnívoro da família dos felídeos, muito popular como animal de estimação. Ocupando o topo da cadeia alimentar, é predador natural de diversos animais, como roedores, pássaros, lagartixas e alguns insetos. Segundo pesquisas realizadas por instituições norte-americanas, os gatos consistem no segundo animal de estimação mais popular do mundo, estando atrás apenas dos peixes de aquário. Dados censitários apontam que nos Estados Unidos existem mais gatos domésticos do que cachorros.A primeira associação com os humanos da qual se tem notícia ocorreu há cerca de 9.500 anos, período superior ao estimado anteriormente, que oscilava entre 3500 e 8000 anos. A subfamília Felinae, que agrupa os gatos domésticos, surgiu há cerca de 12 milhões de anos, expandindo-se a partir da África subsariana até alcançar as terras do atual Egito. Acredita-se que o gato-selvagem-africano (Felis silvestris lybica) era seu antepassado imediato e evidencias genéticas assinalam que os gatos domésticos atuais partilham uma procedência direta com os gatos selvagens do Oriente Médio.
Existem cerca de 250 raças de gato doméstico, cujo peso variável entre 2.5 a 12 kg classifica a espécie como animal doméstico de pequeno a médio porte. Assim como ocorre com as raças de cães que apresentam esta mesma faixa de peso, o gato doméstico pode viver entre quinze e vinte anos. Devido à sua personalidade independente, tornou-se um animal de companhia em diversos lares ao redor do mundo, agradando pessoas dos mais variados estilos de vida. Na cultura humana, figura da mitologia às superstições, passando por personagens de desenhos animados, tiras de jornais, filmes e contos de fadas. Entre suas mais conhecidas representações, estão os gatos: Tom, Frajola, Manda-Chuva, Gato Félix, Gaturro, O Gato de Botas e Garfield.


bookmark_borderO que é ronrom

ronrom rom-rom | s. m.
ron·rom rom·-rom
(origem onomatopaica )
nome masculino

Rumor contínuo produzido pelos felinos, especialmente quando estão satisfeitos.• Grafia no Brasil: rom-rom. • Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990:rom-rom. • Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990:ronrom
• Grafia em Portugal:ronrom.


substantivo masculino Ruído que o gato faz com a garganta.
Ruído surdo e contínuo; ronco: o ronrom de um motor.
Etimologia (origem da palavra ronrom). Onomat.


O ronrom, ronrono, ou ronronar, é o ruído contínuo produzido pelos felinos e que faz parte de sua comunicação. O gato doméstico ronrona em uma faixa de frequência entre os 22,4 e 30,2 hertz. Diferentemente do miado, o ronronar produz um som de timbre grave, audível apenas a curtas distâncias.