bookmark_borderO que é equimose

equimose | s. f.
e·qui·mo·se |ó| e·qui·mo·se |ó|
nome feminino

Nódoa proveniente do sangue extravasado sob a pele.


substantivo feminino Nódoa formada na pele por extravasão de sangue resultante de contusão, e cuja cor passa do vermelho ao azulado e finalmente ao amarelado.


Equimose (do grego ἐκχύμωσις [ekchymōsis], extravasamento de fluído orgânico) é um sangramento no tecido subcutâneo, com diâmetro maior que 1cm, originado da ruptura de um ou mais capilares sanguíneos.


bookmark_borderO que é turgidez

turgidez | s. f.
tur·gi·dez |ê| tur·gi·dez |ê|
(túrgido + -ez )
nome feminino

Estado de túrgido. = ENTUMECIMENTO, INCHAÇÃO, TURGÊNCIA


substantivo feminino Inchação; qualidade do que está inchado, dilatado ou cheio.
[Por Extensão] Medicina. Aumento da dimensão de um órgão, ocasionado pelo acúmulo de líquido nos tecidos; edema.
Etimologia (origem da palavra turgidez). Túrgido + ez.


Em medicina, turgidez, turgência, turgescência ou inchaço são termos que designam o aumento da dimensão de um ou mais órgãos, causado pelo acúmulo excessivo de fluidos nos tecidos, denominado de edema.
Qualquer parte do corpo pode inchar em resposta a uma lesão, infecção ou enfermidade, assim como em consequência de um caroço ou íngua. Também pode ocorrer turgidez, especialmente nos tornozelos, em razão de problemas circulatórios.


bookmark_borderO que é sibilo

sibilo | s. m. síbilo | s. m. 1ª pess. sing. pres. ind. de sibilar
si·bi·lo
nome masculino

Acto de sibilar.
sí·bi·lo sí·bi·lo
nome masculino

Silvo; sibilação.
si·bi·lar si·bi·lar – Conjugar
(latim sibilo, -are, assobiar )
verbo intransitivo

1. Soprar produzindo um silvo agudo e prolongado. = ASSOBIAR, SILVAR

2. Soar como um assobio. = ASSOBIAR, SILVARverbo transitivo e intransitivo

3. Acentuar consoantes sibilantes ao falar.


substantivo masculino Assobio, silvo.


Sibilo é um ruído característico da asma brônquica, semelhante a um assobio agudo. É produzido pelo ar que flui por vias respiratórias estreitadas.
Frequente em asmáticos e em portadores de doença pulmonar. É reversível utilizando broncodilatadores.


bookmark_borderO que é xantoma

xantoma | s. m.
xan·to·ma |ô| xan·to·ma |ô|
(xanto- + -oma )
nome masculino

Tumor benigno cutâneo ou subcutâneo, de cor amarela e que contém essencialmente colesterol.


substantivo masculino Nódulo ou mancha amarela que surge no ângulo interno do olho sobre as pálpebras, devida a depósitos introdérmicos de colesterol; fibroma lipomatóide.


Um xantoma (do grego xanthos, ξανθος, “amarelo”) é um depósito de material gorduroso, amarelado, rico em colesterol nos tendões ou na pele, geralmente associadas com doenças endócrinas, distúrbios no metabolismo de gorduras (dislipidemias) ou bloqueio dos conduto biliar. Essa acumulação subcutânea de lípidos sob a forma de nódulos forma placas amareladas ocorre em mamíferos, inclusive humanos, e aves.


bookmark_borderO que é cianose

cianose | s. f.
ci·a·no·se |ó| ci·a·no·se |ó|
(grego kuanós, -ê, -ón, azul + -ose )
nome feminino

1. [Medicina]   [Medicina]   Coloração azulada, lívida ou escura da pele.

2. [Mineralogia]   [Mineralogia]   Espécie de cristal.


substantivo feminino Coloração azul ou azulada da pele, produzida por uma oxigenação insuficiente do sangue; anoxemia; doença azul.


Cianose é um sinal ou um sintoma marcado pela coloração azul-arroxeada da pele[1], leitos ungueais[2] ou das mucosas[3]. Ocorre devido ao aumento da hemoglobina não oxidada (desoxi-hemoglobina) ou de pigmentos hemoglobínicos anormais.


bookmark_borderO que é mioclonia

mioclonia | s. f.
mi·o·clo·ni·a
(mio- + grego klónos, -ou, movimento confuso, agitação + -ia )
nome feminino

[Medicina]   [Medicina]   Contracção muscular rápida e involuntária de um ou de vários músculos, geralmente repetida com intervalos variáveis. = MIOCLONISMO


substantivo feminino [Medicina] Contração muscular involuntária.
Etimologia (origem da palavra mioclonia). Mio + clono + ia.


O termo Mioclonia descreve um sintoma e geralmente não constitui um diagnóstico de uma doença, referindo-se a contrações repentinas, incontroláveis e involuntárias de um músculo ou grupo de músculos. Os puxões mioclônicos geralmente resultam de contrações musculares repentinas chamadas mioclonia positiva ou de um relaxamento muscular chamado mioclonia negativa.
As convulsões mioclônicas podem ocorrer sozinhas ou em seqüência, com ou sem padrão determinado. O soluço, por exemplo, é uma contração seguida de um relaxamento do músculo. Outro exemplo é a mioclonia noturna, que são sobressaltos que pessoas têm enquanto estão dormindo. Em casos mais extremos, a mioclonia pode distorcer o movimento e limitar a capacidade de comer, falar e caminhar. Este tipo de mioclonia indicaria um transtorno relacionado ao cérebro ou nervos.


bookmark_borderO que é edema

edema | s. m.
e·de·ma |ê| e·de·ma |ê|
(grego oidéma, -atos )
nome masculino

[Medicina]   [Medicina]   Tumor seroso que cede à pressão dos dedos.


substantivo masculino [Patologia] O acúmulo anormal de líquido que ocasiona um inchaço (num tecido ou num órgão), normalmente num tecido conjuntivo.
Etimologia (origem da palavra edema). Do grego oídema.atos/ do francês oedème.


Edema, denominado popularmente por retenção de líquidos, é a acumulação de líquidos nos tecidos do corpo. As regiões afetadas com maior frequência são os braços ou as pernas. Os sintomas mais comuns são pele esticada, sensação de peso na região e dificuldade em mover as articulações afetadas. A presença de outros sintomas depende da causa subjacente.Entre as causas mais comuns de edema estão a Insuficiência venosa, insuficiência cardíaca, insuficiência renal, baixa concentração de albumina, doenças do fígado, trombose venosa profunda, alguns medicamentos e linfedema. A condição pode também ser o resultado da pessoa estar muito tempo sentada ou em pé durante a menstruação ou gravidez. A condição suscita maiores preocupações quando é de início súbito ou quando é acompanhada por falta de ar.O tratamento depende da causa subjacente. Quando o mecanismo subjacente envolve a retenção de sódio, pode ser prescrita a diminuição do consumo de sal e diuréticos. No casos de edema nas pernas, elevar as pernas e usar meias de compressão pode ser benéfico. A condição é mais comum à medida que a idade avança. O termo tem origem no grego οἴδημα, ou oídēma, que significa “inchado”.


bookmark_borderO que é palidez

palidez | s. f.
pa·li·dez |ê| pa·li·dez |ê|
substantivo feminino

Cor ou qualidade do que é pálido.


substantivo feminino Característica ou estado de pálido, desprovido de cor.
Desbotamento da pele ou das mucosas exteriores.
Etimologia (origem da palavra palidez). Pálido + ez.


Palidez é um sinal sintomático caracterizado pela falta de sangue em determinada área corporal. Causada geralmente pela vasoconstrição, onde o sangue é retirado das extremidades corpóreas, é melhor evidenciada na face do paciente.
A pele perde sua coloração. No entanto não se pode confundir uma pele clara e grossa com palidez, pois peles claras e finas geralmente são rosadas; já peles claras e com espessura maior (devido por exemplo ao cruzamento de etnias claras de pele fina com etnias de pele grossa e escura, resultando em híbridos de pele clara e grossa, devido a genes aleatórios recombinados quimicamente), tendem a ocultar os micro-vasos que dão a coloração rosa (vermelho-clara ou fusão do branco da pele com o ferro da hemoglobina dos micro-vasos, que dá o mesmo aspecto/impressão de quando se mistura tinta guache branca com vermelha), tendem a ocultar os micro-vasos em camadas menos superficiais e mais profundas da derme (este tipo de pele torna-se menos transparente a luz por exemplo, porém mais reflectivo), dando a impressão de que tais pessoas não possuem veias ou hemoglobina, quando na verdade estas estão apenas mais ocultas que em peles mais finas (caso parecido ocorre com a pele africana, porém neste caso há um somatório do pigmento melanócito, dando também a impressão de não existir sistema circulatório ali).
Casos clássicos de etnias que apresentam a chamada “pseudo-palidez”, são aquelas resultantes da hibridização entre etnias norte-eurasianas amarelas, de pele mais espessa que a pele rosada, com pessoas de certas partes da Europa, a exemplo dos ingleses do leste. Quando tal ocorre, a resultante (o resultado) são híbridos muito parecidos com os norte-alpinos do Mar Báltico Oriental, cuja pele mais se aparenta com um espelho devido ao excesso de fótons que reflete, excitando bastante a nossa retina e chamando muito a nossa atenção devido a uma espécie de reflexo visual.


bookmark_borderO que é cacifo

cacifo | s. m.
ca·ci·fo
(árabe qafiz )
nome masculino

1. Cesto, caixa, gaveta, etc., para coisas de pouco valor.

2. Vão pequeno aberto na parede.

3. Cubículo, quarto pequeno.

4. [Jocoso]   [Jocoso]   Cofre, burra.

5. Medida equivalente ao antigo celamim.

6. [Medicina]   [Medicina]   Depressão que se forma na pele depois de uma pressão e que demora a desfazer-se quando já não há pressão. = GODÉ


substantivo masculino Gaveta, caixa, cofre.
Quarto ou recanto pequeno em uma casa.
Medida de grãos ou farinhas.


Cacifo, sinal de cacifo ou sinal de Godet é um sinal clínico avaliado por meio da pressão digital sobre a pele, por pelo menos 5 segundos, a fim de se evidenciar edema. É considerado positivo se a depressão (“cacifo”) formada não se desfizer imediatamente após a descompressão. Pode tanto estar relacionado a edemas localizados, mais comumente em membros inferiores, como também a estados de edema generalizado, denominados de anasarca. O edema pode ser quantificado a partir deste sinal, em função do tempo de retorno da pele após a compressão e da profundidade do cacifo formado.