bookmark_borderO que é mecha

mecha | s. f.
me·cha |è| me·cha |è|
(francês mèche )
nome feminino

1. Cordão, fio ou feixe de fios envolvido em cera ou combustível, próprio para manter o lume quando aceso. = PAVIO, TORCIDA

2. Rastilho.

3. Morrão (para comunicar fogo).

4. Gaze ou algodão que se introduz numa ferida para que não cerre em falso.

5. Pedaço de toucinho para lardear.

6. Enxofre preparado para defumar vasilhas de aduela.

7. Ressalto (de uma tábua) para encaixar numa ranhura.

8. Espigão.

9. [Figurado]   [Figurado]   Maçada, estopada.

10. [Marinha]   [Marinha]   Parte inferior do mastro que encaixa na carlinga.

11. Parte superior do mastro no topo do calcês.

12. Porção de cabelos. = MADEIXA, MELENA

na mecha • [Portugal, Informal]   • [Portugal, Informal]   Muito depressa.


substantivo feminino Torcida que se introduz num lampião ou numa lamparina para servir de condutor a um líquido combustível; pavio.
Tira de pano ou de papel, embebida em enxofre, em que o fogo pega com facilidade, e que se usa para desinfetar os tonéis de vinho.
Porção de cabelo.
Fios torcidos que se metem nas feridas, para conservá-las abertas e mantê-las drenadas; dreno.
Estopim, rastilho, pedaço de corda desfiada e embebida em substância inflamável com que se ateava fogo às peças de artilharia e a outras armas em geral.
Náutica Eixo ou espigão central do leme de um navio.


Um mecha (メカ, meka?, abreviatura de mechanical, inglês para mecânico) ou meca é um robô gigante (geralmente bípede) controlado ou não por um piloto ou controlador, comuns em algumas obras de ficção científica, mangá e anime. Um mecha geralmente é uma máquina de guerra ou combate com pernas, cujos principais oponentes são monstros gigantes ou outros mecas. Geralmente são construídos em formato antropomórfico (de ser humano) ou de animais.
Existem diferentes sub-gêneros, com diferentes conotações de realismo. O conceito de Super-robô e robô realistico são dois exemplos encontrados em animes japoneses.O romance La Maison à vapeur (1880) de Júlio Verne apresentou um, elefante pilotado mecânico movido a vapor. Uma das primeiras aparições de tais máquinas na literatura moderna são os tripods no romance The War of the Worlds (1897), de H. G. Wells, na qual os marcianos pilotam naves trípedes similares a muitos mechas atuais. O livro Starship Troopers de Robert A. Heinlein mostra soldados das “infantaria móvel” usando exoesqueletos.O conceito dos mecas está intimamente relacionado ao de exoesqueletos na ficção científica, que seriam estruturas vestidas por uma pessoa capazes de ampliar seus movimentos ou conferi-la mais força. A diferença é que um exoesqueleto é “vestido” pelo piloto (em volta do corpo e imitando seus movimentos), enquanto um mecha é pilotado por controles ou mentalmente.
O profissional responsável por criar a arte conceitual dos mecas é chamado de designer de meca.


bookmark_borderO que é onomatopeia

onomatopeia onomatopéia onomatopeia | s. f.
o·no·ma·to·pei·a o·no·ma·to·péi·a o·no·ma·to·pei·a
nome feminino

1. Processo de formação de uma palavra cujo som imita aproximadamente o som do que significa.

2. Palavra com essa formação (ex.: rataplã).• Grafia no Brasil: onomatopéia. • Grafia alterada pelo Acordo Ortográfico de 1990:onomatopeia. • Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990:onomatopéia
• Grafia em Portugal:onomatopeia.


substantivo feminino [Linguística] Composição de uma palavra que se baseia numa reprodução similar de um som que passa a ser relacionado a ela; onomatopoese.
[Gramática] A palavra (vocábulo) que se forma a partir da reprodução similar de um som; são exemplos de onomatopeia: bang (tiro); tic-tac (barulho do relógio); au (latido).
Etimologia (origem da palavra onomatopeia). Do latim onomatopoeia.ae.


Onomatopeia ou mimologia (termo da língua grega antiga que significava “criar um nome”, “fazer um nome”), é uma figura de linguagem na qual se reproduz um som com um fonema ou palavra. A forma adjetiva é onomatopaico. Ruídos, gritos, canto de pássaros, som de animal, sons da natureza, barulho de máquinas, o timbre da voz humana fazem parte do universo das onomatopeias. Por exemplo, para os índios tupis tak e tatak significam dar estalo ou bater e tek é o som de algo quebrando.
Geralmente, as onomatopeias são usadas em histórias em quadrinhos, muitas dessas onomatopeias são derivadas de verbos da língua inglesa.Em japonês, as onomatopeias são divididas em giseigos (擬声語, ‘giseigos’?), que imitam vozes, gigongos (擬音語, ‘gigongos’?), que imitam sons e gijogos, que expressam emoções. Nos mangás (quadrinhos japoneses), elas fazem parte da arte. No Brasil, as editoras brasileiras deixam as onomatopeias em hiragana ou katakana e, no rodapé da página, colocam legendas com a tradução. Nos Estados Unidos, a Shonen Jump local adapta essa onomatopeias.


bookmark_borderO que é retícula

retícula | s. f. Será que queria dizer reticula?
re·tí·cu·la
(latim reticulum, -i, rede pequena, saco de malha, alforge )
nome feminino

Retículo.


substantivo feminino O mesmo que retículo (e mais usado no Brasil).
[Física] Rede de difração formada por um grande número de retas finíssimas traçadas sobre vidro, com diversos empregos em óptica.
Fotografia. Aparelho semelhante usado em fotogravura, interposto entre a objetiva e a chapa, que torna possível a reprodução dos meios-tons pela decomposição da imagem em inúmeros e pequeníssimos pontos.


Retícula (Screentone em inglês) é um nome genérico da técnica de finalização artística muito usada em histórias em quadrinhos e na pop art e que consiste em imprimir, por decalque, texturas sobre o papel. Também é conhecido pelas marcas Zip-A-Tone (1937, agora extinta), Chart-Pak (1949) e Letratone (1966, da Letraset).Uma folha de retícula é composta por uma camada flexível e transparente que contém a textura impressa. A folha de retícula é colocada sobre o papel, com a textura para baixo e ao ser esfregada com o lado cego de uma lâmina transfere a textura para o papel.
As retículas são usadas por ilustradores e artistas, especialmente para sugerirem cores. A aplicação tem sido simplificada através da computação gráfica e o surgimento de retículas digitais, embora softwares de computação gráfica forneça uma variedade de alternativas ao retículas, sua aparência ainda é frequentemente simulada, para obter consistência com trabalhos anteriores ou evitar o aparecimento de imagens geradas por computador. Às vezes, é feito por meio da digitalização de folhas de retículas reais, mas também são usados padrões originais de vetor ou de bitmap. No Japão, as retículas tradicionais ainda são usadas por alguns autores de mangá.No Brasil, os chamado “pontos Ben-Day” (Ben-Day Dots em inglês), processo criado por Benjamin Day, é conhecidos como retícula de ponto duro. Uma das diferenças dos pontos de Ben-Day para as retículas propriamente ditas é que esses são coloridos e aquelas, em preto e branco.


bookmark_borderO que é mangá

manga mangá | s. f. manga | s. f. manga | s. f. manga | s. f. Será que queria dizer manga?
man·ga man·gá 4
(japonês manga )
nome feminino

Género de banda desenhada de origem japonesa.• Grafia no Brasil: mangá. • Grafia no Brasil: mangá. • Grafia em Portugal:manga. • Grafia em Portugal:manga.
man·ga man·ga 3
(espanhol manga )
nome feminino

1. Grande quantidade de gente. = MULTIDÃO, TURBA

2. [Brasil]   [Brasil]   Pastagem cercada para cavalos e bois.
man·ga man·ga 2
(malaiala manga )
nome feminino

1. [Botânica]   [Botânica]   Fruto da mangueira, de formato oblongo, carnudo, de polpa amarela e fibrosa envolvendo um caroço grande, aromático e de sabor agradável.

2. [Botânica]   [Botânica]   Árvore grande (Mangifera indica), da família das anacardiáceas, de tronco liso, copa grande e frondosa, folhas perenes oblongas, flores pequenas dispostas em cachos, de origem asiática e muito cultivada em climas tropicais pelo seu fruto, a manga. = MANGUEIRA
man·ga man·ga 1
(latim manica, -ae )
nome feminino

1. Parte do vestuário que cobre o braço ou parte dele.

2. Objecto cuja forma se assemelha a essa parte do vestuário.

3. Filtro em forma de saco.

4. Tubo flexível. = MANGUEIRA

5. [Aeronáutica]   [Aeronáutica]   Túnel regulável que liga a entrada de um avião a uma porta de embarque do aeroporto.

6. [Aeronáutica]   [Aeronáutica]   Mecanismo insuflável instalado em algumas saídas dos aviões, destinado à evacuação de passageiros em caso de emergência.

7. [Mecânica]   [Mecânica]   Extremidade do eixo em que entra a roda.

8. Dispositivo de forma cónica , que indica a direcção e a intensidade do vento. = BIRUTA

9. Redoma; campânula.

10. Chaminé de candeeiro de malha metálica que aumenta a intensidade da luz.

11. Tromba-d’água.

12. Chocalho grande.

13. [Desporto]   [Esporte]   Parte de uma competição, geralmente em provas de automobilismo ou de motociclismo.

arregaçar as mangas • Preparar-se para fazer algo com determinação.

em mangas de camisa • Sem casaco.

manga perdida • [Vestuário]   [Vestuário]   • [Vestuário]   Manga larga e sem punho.


substantivo feminino Fruto da mangueira, com um grande caroço central que envolve sua semente, muito conhecido por sua polpa amarelada, doce e suculenta.
[Botânica] Árvore da família das anacardiáceas que produz esse fruto; mangueira.
Etimologia (origem da palavra manga). Do malaiala mangã.
substantivo feminino Parte da roupa que cobre o braço parcial ou totalmente.
Qualquer tubo flexível que protege ou isola algo; mangueira.
Tubo cilíndrico usado para filtrar líquidos; filtro.
Chaminé de candeeiro que aumenta propositalmente a luminosidade.
[Mecânica] Parte do eixo que, fixo na graxeira, recebe todo o peso do veículo.
[Mecânica] Mangueira de bomba.
Cilindro de amianto impregnado de sais metálicos (tório e cério) que, colocado sobre a chama de um lampião, aumenta a luminosidade.
Fenômeno que consiste na formação de uma grande massa de vapores espessos; tromba d-água.
Etimologia (origem da palavra manga). Do latim manica.ae.
substantivo feminino [Regionalismo: MG, Goiás e Nordeste] Pasto cercado.
[Regionalismo: Rio Grande do Sul] Fila de quem guia o gado ao curral.
[Regionalismo: Maranhão] Corredor cercado para guiar o gado ao embarque.
[Regionalismo: Amazonas] Cerca que vai até ao reservatório de peixes.
Etimologia (origem da palavra manga). Do espanhol manga.


O mangá (português brasileiro) ou manga (português europeu) (em japonês: 漫画, manga?, lit. “história em quadrinhos”), é a palavra usada para designar história em quadrinhos (português brasileiro) ou banda desenhada (português europeu) feita no estilo japonês. No Japão, o termo designa quaisquer histórias em quadrinhos.
Vários mangás dão origem a animes para exibição na televisão, em vídeo ou em cinemas, mas também há o processo inverso em que os animes tornam-se uma edição impressa de história em sequência ou de ilustrações.
A palavra pode ser escrita, em japonês, das seguintes formas: kanji (漫画, kanji?), hiragana (まんが, hiragana?), katakana (マンガ, katakana?) e romaji (manga).
No Japão, pessoas de todas as idades leem mangás. A mídia inclui obras em uma ampla gama de gêneros: ação-aventura, negócios e comércio, comédia, detetive, drama histórico, horror, mistério, romance, ficção científica e fantasia, sexualidade, esportes e jogos e suspense, entre outros.Muitos mangás são traduzidos para outras línguas. Desde a década de 1950, o mangá se tornou uma parte importante da indústria editorial japonesa, representando um mercado de ¥ 406 bilhões no Japão em 2007 (aproximadamente US $ 3,6 bilhões) e 420 bilhões de ienes (aproximadamente US $ 5,5 bilhões) em 2009. O mangá também ganhou um público mundial significativo. Na Europa e no Oriente Médio, o mercado valia US $ 250 milhões em 2012. Em 2008, nos Estados Unidos e no Canadá, o mercado de mangá foi avaliado em US$ 175 milhões. Mangá representam 38% do mercado francês de quadrinhos, quase 260 milhões de euros, o que equivale aproximadamente a dez vezes ao dos Estados Unidos. As histórias de mangás são tipicamente impressas em preto e branco, embora existam mangás coloridos (por exemplo, Colorful). No Japão, o mangá é geralmente publicado em grandes revistas de mangás, muitas vezes contendo muitas histórias, cada uma apresentada em um único capítulo a ser continuado na próxima edição. Se a série for bem sucedida, os capítulos podem ser republicados em volumes encadernados no formato tankohon, freqüentemente, mas não exclusivamente, no formato de bolso. Um artista de mangá (chamado de mangaká em japonês) normalmente trabalha com alguns assistentes em um pequeno estúdio e está associado a um editor criativo de uma editora. Se uma série de mangá é popular o suficiente, pode ganhar uma versão animada ou live-action, mesmo durante a sua publicação. Às vezes, o mangá é baseado em filmes live-action ou animados já existentes.