bookmark_borderO que é religiosidade

religiosidade | s. f.
re·li·gi·o·si·da·de
nome feminino

1. Qualidade do que é religioso.

2. Sentimento que nos impele a reconhecer a divindade independentemente de culto determinado.

3. [Figurado]   [Figurado]   Escrúpulo, zelo, pontualidade.


substantivo feminino Característica do que é religioso.
Aptidão natural ou tendência específica para os sentimentos religiosos: a religiosidade de Rousseau.
Reunião das virtudes religiosas; preceitos éticos de caráter religioso.
Etimologia (origem da palavra religiosidade). Do latim religiositas.atis.


Religiosidade, em seu sentido mais amplo, é um termo abrangente usado para se referir aos numerosos aspectos da atividade religiosa, dedicação e crença religiosa. No sentido mais restrito, a religiosidade trata mais de quanto uma pessoa é religiosa e menos de como uma pessoa é religiosa (praticando certos rituais, recontando histórias, reverenciando símbolos ou aceitando uma doutrina sobre deidades e vida após a morte).


bookmark_borderO que é esnobismo

snobismo esnobismo | s. m.
sno·bis·mo es·no·bis·mo
(snobe + -ismo )
nome masculino

Qualidade ou atitude de snobe .• Grafia no Brasil: esnobismo. • Grafia no Brasil: esnobismo. • Grafia em Portugal:snobismo. • Grafia em Portugal:snobismo.


substantivo masculino Comportamento da pessoa que despreza o convívio com quem é humilde, geralmente, copiando os costumes dos que fazem parte da alta sociedade ou dos que têm prestígio social.
Sentimento de superioridade; atitude de quem se sente superior aos demais.
Preferência exagerada pelo que está na moda, até mesmo coisas supérfluas.
Etimologia (origem da palavra esnobismo). Esnobe + ismo.


O esnobismo (português brasileiro) ou snobismo (português europeu) é o modo de pensar ou agir de uma pessoa que se acha ou tenta parecer superior a outra, que ignora ou despreza alguém por ter profissão de menor prestígio social, por ter padrão de vida inferior ou até mesmo por ter menos beleza, e que tenta imitar comportamentos, atitudes e padrões de consumo das pessoas de classe social superior, priorizando interagir somente com elas. A pessoa com esse comportamento é denominada esnobe (português brasileiro) ou snob (português europeu).


bookmark_borderO que é hipertimia

hipertimia | s. f.
hi·per·ti·mi·a
(hiper- + -timia )
nome feminino

[Psicopatologia]   [Psicopatologia]   Excessivo aumento da emotividade.


substantivo feminino Excesso de euforia; condição de emotividade excessiva.
[Patologia] Estado patológico definido pela exaltação exagerada dos sentimentos, pelo excesso de agitação, de tensão, de euforia, falta de sono ou de necessidade de dormir, fuga de ideias e verborragia.
Etimologia (origem da palavra hipertimia). Hiper + timo + ia.


Hipertimia (do grego, hyper+thymia muita emoção) é um termo médico para uma fase de emoções e energia intensas. Uma pessoa com temperamento hipertímico possui uma personalidade com muita energia, otimismo, entusiasmo e extroversão. Pode ser sintoma da fase maníaca (eufórica) ou hipomaníaca (menos eufórica) de um transtorno bipolar ou de uma ciclotimia.É o contrário de hipotimia, período de depressão marcado pela deficiência em expressar emoções, e de distimia, um transtorno depressivo caracterizado por mau humor, pessimismo e falta de energia constantes. Não deve ser confundida com bom humor, com estabilidade emocional ou eutimia.


bookmark_borderO que é caráter

carácter caráter ou carácter caráter | s. m.
ca·rác·ter |át| ou |áct | ca·rá·ter |át| ou ca·rác·ter |áct| ca·rá·ter |át|
(latim character, -eris, sinal, marca )
substantivo masculino

1. O que faz com que os entes ou objectos se distingam entre os outros da sua espécie.

2. Marca, cunho, impressão.

3. Propriedade.

4. Qualidade distintiva.

5. Índole, génio .

6. Firmeza.

7. Dignidade.

8. [Artes gráficas]   [Artes gráficas]   Molde de letra escrita.

9. Sinal, figura ou símbolo usado na escrita.

10. [Artes gráficas]   [Artes gráficas]   Tipo de imprensa. = LETRA

11. Sinal de abreviatura.

12. [Medicina]   [Medicina]   Aspecto .

carácter recessivo • [Genética]   • [Genética]   Carácter hereditário ou gene que se manifesta pela ausência do gene contrário, chamado dominante.

caracteres antropomórficos • Aqueles que são ornamentados com desenhos representando figuras humanas.

caracteres góticos • Aqueles que se empregaram nos primeiros ensaios tipográficos.

caracteres sexuais • Conjunto das manifestações anatómicas e fisiológicas determinadas pelo sexo. (Distinguem-se os caracteres sexuais primários [órgãos genitais] e os caracteres sexuais secundários [pilosidade (barba, etc.), adiposidade, voz], especiais de cada sexo.)Plural: caracteres. Plural: caracteres .
Ver também dúvida linguística: singular de caracteres.
• Dupla grafia pelo Acordo Ortográfico de 1990: caráter ou carácter. • Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990:carácter.
• Grafia no Brasil: caráter. • Grafia em Portugal:carácter.


substantivo masculino Caracterização do próprio sujeito; índole, temperamento, personalidade.
Formação moral; honestidade: homem de caráter.
Conjunto de características que, sendo boas ou más, distinguem uma pessoa, um povo; traço distintivo: o caráter do povo brasileiro.
Modo de ser, de parecer; cunho, aparência, ar, feição: missão em caráter oficial; doença de caráter grave.
Sinal utilizado na escrita, letra, número; caractere.
[Biologia] Refere-se ao aspecto fisiológico ou morfológico usado para diferenciar os seres, em diferentes espécies ou numa mesma espécie.
[Psicologia] Reunião de caracteres psicológicos comuns que compõem um indivíduo ou um grupo de pessoas: tratavam-se de pessoas de caráter duvidoso.
[Psicologia] Conjunto coerente de respostas dadas por um indivíduo a uma série de testes e que permite, por comparação estatística, situá-lo numa categoria determinada.
[Religião] Marca de teor espiritual contida na alma e definida através do sacramento do batismo, da crisma e da ordem.
Etimologia (origem da palavra caráter). Do grego kharaktér.


Brasil: Caráter /Portugal: carácter é um termo usado em psicologia como sinônimo de personalidade. Em linguagem comum o termo descreve os traços morais da personalidade. Muitas pessoas associam o caráter a uma característica relacionada à Genética, o que não ocorre. O caráter de uma pessoa é algo independente de sua referência genética.
As escolas da caracterologia alemã e franco-holandesa esforçaram-se por dar aos dois termos (personalidade e caráter) um significado diferente, sem que, no entanto, se chegasse a um consenso. René Le Senne, por exemplo, propõe a seguinte distinção: Caráter refere-se ao conjunto de disposições congênitas, ou seja, que o indivíduo possui desde seu nascimento e compõe, assim, o esqueleto mental do indivíduo; já personalidade, é definida como o conjunto de disposições mais “externas”, como que a “musculatura mental” – todos os elementos constitutivos do ser humano que foram adquiridos no correr da vida, incluindo todos os tipos de processo mental.


bookmark_borderO que é perfeccionismo

perfeccionismo ou perfecionismo perfeccionismo | s. m.
per·fec·ci·o·nis·mo |ècç| ou |èç | per·fec·ci·o·nis·mo |ècç| ou per·fe·ci·o·nis·mo |èç| per·fec·ci·o·nis·mo |ècç|
substantivo masculino

Tendência em procurar exageradamente a perfeição.• Dupla grafia pelo Acordo Ortográfico de 1990: perfecionismo. • Grafia anterior ao Acordo Ortográfico de 1990:perfeccionismo.
• Grafia no Brasil: perfeccionismo. • Grafia em Portugal:perfecionismo.


substantivo masculino Obsessão em realizar tudo com perfeição, com excelência, com o maior apuro possível: o perfeccionismo nas artes.
Doutrina que afirma ser a busca da perfeição alcançada a partir de um modelo preestabelecido.
[Filosofia] Doutrina de origem inglesa que, no século XVIII, não aceitava a religião como razão para obter a perfeição.
Etimologia (origem da palavra perfeccionismo). Perfeição + ismo.


O perfeccionismo é um distúrbio neurótico no qual a pessoa sente constante insatisfação com seu desempenho e dúvidas sobre a qualidade de seu trabalho, levando o indivíduo a escrupulosidade, verificações de pormenores, obstinação, prudência e rigidez excessivas prejudicando a sua pontualidade e eficiência. Caso seja um traço de personalidade que cause prejuízo significativo a si mesmo e/ou aos outros passa a ser considerado como transtorno de personalidade obsessivo-compulsiva.