bookmark_borderO que é disfarce

substantivo masculino Ação ou efeito de disfarçar ou disfarçar-se.
Aquilo que pode ser usado para disfarçar; que esconde a verdadeira aparência de (algo ou alguém); fantasia ou máscara.
[Figurado] Que demonstra ou age de maneira dissimulada; que possui fingimento ou dissimulação.
Etimologia (origem da palavra disfarce). Forma regressiva de disfarçar.


Disfarces são peças de vestuário ou qualquer método ou técnica que muda a aparência de algo ou alguém de modo a esconder a sua verdadeira identidade. A camuflagem é um tipo de disfarce usado por pessoas, animais e objetos. Chapéus, óculos, máscaras, perucas, maquilhagem e cirurgia plástica também são frequentemente utilizados.


bookmark_borderO que é kilt

kilt | s. m.
kilt |quilte|
(palavra inglesa )
nome masculino

1. [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Saia de pregas, em tecido de lã e com padrão axadrezado, característica do traje típico escocês masculino.

2. [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Saia semelhante a essa.Plural: kilts. Plural: kilts.


substantivo masculino Vestuário Saia curta e pregueada, de tecido quadriculado, segundo as cores dos clãs escoceses, usada pelos homens das montanhas da Escócia. Ver plaid.
Saia feminina pregueada e parcialmente transpassada, em tecido quadriculado.
Etimologia (origem da palavra kilt). Palavra inglesa.


A kilt (em gaélico escocês: fèileadh) é uma peça do tipo saia sem bifurcação na altura do joelho, com pregas nas costas, originada no traje tradicional de homens e meninos gaélicos nas Terras Altas escocesas. É registrado pela primeira vez no século XVI como o belted plaid, uma peça de roupa longa cuja metade superior pode ser usada como capa. O kilt pequeno ou kilt “moderno” surgiu no século XVIII e é essencialmente a metade inferior do belted plaid. Desde o século XIX, tornou-se associado à cultura mais ampla da Escócia e, mais amplamente, à herança gaélica ou celta. Na maioria das vezes é feito de pano de lã em um padrão de tartã.
Embora o kilt seja mais usado em ocasiões formais e em jogos e eventos esportivos nas Terras Altas, ele também foi adaptado como um item de roupas masculinas informais nos últimos anos, retornando às suas raízes como uma peça cotidiana. Particularmente na América do Norte, os kilts agora são feitos para uso casual em uma variedade de materiais. Fixações alternativas podem ser usadas e bolsos inseridos para evitar a necessidade de um sporran. Kilts também foram adotados como vestuário feminino para alguns esportes.


bookmark_borderO que é meia

meia | s. m. 2 núm. meia | s. f. | s. f. pl. meia | s. f. fem. sing. de meio
mei·a 2
(redução de meia dúzia )
nome masculino de dois números

[Brasil]   [Brasil]   O número 6.
mei·a mei·a 1
(redução de meia-calça )
nome feminino

1. [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Peça de roupa que cobre o pé e parte da perna.

2. Ponto de malha com que se faz essa peça.
meiasnome feminino plural

3. Contrato em que os lucros são divididos ao meio.

meias de vidro • Colãs ou meias-calças de nylon finas, transparentes e brilhantes.
mei·a mei·a 3
(feminino de meio )
nome feminino

1. Antiga medida de capacidade, equivalente a seis quartilhos.

2. [Brasil]   [Brasil]   [Futebol]   [Futebol]   Jogador que ocupa uma posição no meio-campo, entre a defesa e a linha de ataque.
mei·o mei·o
(latim medius, -i, meio, metade )
adjectivo adjetivo

1. Que indica a metade (de um todo).

2. Que está numa posição intermédia. = MEÃO, MEDIANO, MÉDIO

3. Que tem fraca intensidade. = MODERADOnome masculino

4. Parte ou ponto equidistante das extremidades ou do princípio e fim. = METADE

5. Ponto central. = CENTRO

6. Lugar onde se vive. = AMBIENTE, ESFERA

7. Modo, via, possibilidade.

8. Expediente, arte, ardil.

9. Agente.

10. Intervenção, auxílio.

11. Condição, circunstância.

12. O que estabelece comunicação.advérbio

13. Mais ou menos, um tanto, um pouco, não de todo, quase (ex.: deixou a porta meio aberta).
meiosnome masculino plural

14. Bens, fortuna, recursos, haveres.

meio ambiente • Conjunto das condições biológicas, físicas e químicas nas quais os seres vivos se desenvolvem. = AMBIENTE

• Conjunto das circunstâncias culturais, económicas e sociais em que vive um indivíduo. = AMBIENTE

meio cá, meio lá • [Informal]   • [Informal]   Em estado de consciência levemente alterada, devido a sono, cansaço ou embriaguez.

• [Informal]   • [Informal]   Em estado de dúvida. = INDECISO

meio de comunicação (social) • Órgão de difusão de informação.

meio morto • [Informal]   • [Informal]   Quase morto; muito cansado.

meios de transporte • Tudo aquilo que serve para nos deslocarmos de um lugar para outro (automóvel, autocarro , avião, comboio , metro , táxi, etc.).

por meio de • Recorrendo a, através de, por intermédio, mediante.
Ver também dúvida linguística: meio.


substantivo feminino Tecido de malha para cobrir o pé e parte da perna.
Certo ponto de malha: luvas de meia.
Etimologia (origem da palavra meia). Forma Red. de meia calça.
numeral Meia dúzia; quantidade expressa pelo número seis (6): — vai levar a dúzia? Não, só meia.
No discurso falado, o número seis ou o que possui igual valor: moro na casa três-meia-cinco (365).
Etimologia (origem da palavra meia). Forma Red. de meia-dúzia.
substantivo feminino Valor que corresponde a metade de; meia-entrada: estudantes no cinema pagam meia.
Etimologia (origem da palavra meia). Forma Red. de meia-entrada.
substantivo masculino e feminino Futebol. Designação reduzida para meia-direita e meia-esquerda; a posição do jogador que atua no meio campo, entre a defesa e o ataque.
Etimologia (origem da palavra meia). Forma Red. de meia-direita/esquerda.
substantivo feminino Antiga unidade de medida que se equivalia a seis quartilhos (0,665 litros).
Etimologia (origem da palavra meia). Feminino de meio.


Uma meia é uma peça de roupa que calça ou veste o pé, a fim de aquecê-lo ou protegê-lo do contato direto com o calçado. As meias também podem servir como terapia no caso de doenças como varizes. A meia também é chamada de carpim no Rio Grande do Sul do Brasil e de peúga Norte de Portugal.
Um dos papéis das meias é absorver a transpiração. O pé está entre os produtores os mais pesados do suor no corpo, porque pode produzir sobre 0,25 pintas dos e.u. (0,12 l) do transpiração por o dia.Classicamente constituída de ponta, pé, calcanhar e punho, em alguns casos se suprime alguma das partes como no caso das sem punho ou sem ponta como no caso das terapêuticas sem ponta. Detalhe de acabamento é que a ponta ou é fechada por remalhadeira ou por overloque, no segundo caso o acabamento é pior, porém mais produtivo e portanto menos dispendioso. Quando é fechada, pois as terapêuticas não o são. Industrialmente é feita em máquinas de tecer circulares específicas, que mudam o modo de tecimento nas diversas partes do artigo, podendo entretanto serem tecidas em teares retilíneos, embora isso seja contrassenso por conta de aumentar o custo do produto.
Em alguns esportes, tais como beisebol e futebol e futsal, os jogadores normalmente usam meias na altura dos joelhos. Essas “meias grandes” são chamadas de meiões.


bookmark_borderO que é fraque

fraque | s. m.
fra·que
nome masculino

Traje de cerimónia , geralmente masculino, cujo casaco é justo na cintura e com abas compridas atrás.


substantivo masculino Casaco de cerimônia aberto do peito para baixo, geralmente com um só botão, curto na parte da frente e com abas longas na parte traseira.
Etimologia (origem da palavra fraque). Do francês frac.


O fraque é um traje de cerimónia que se usa em eventos que tenham lugar durante o dia. É o equivalente diurno à casaca (hoje usada apenas em eventos muito formais) e ao smoking (usada em eventos nocturnos formais e sofisticados).


bookmark_borderO que é costura

costura | s. f. 3ª pess. sing. pres. ind. de costurar 2ª pess. sing. imp. de costurar
cos·tu·ra
nome feminino

1. Acto ou efeito de coser.

2. Arte de coser; obra de costura.

3. Profissão, ofício de costureira, modista ou alfaiate.

4. [Encadernação]   [Encadernação]   Acção de coser os cadernos de um livro a brochar ou a encadernar.

5. União de duas peças de tecido ou cabedal postas lado a lado.

6. Sobreposição ou dobra lateral de um tecido para que não se desfie. = BAINHA

7. Conjunto de pontos para coser os lábios de uma ferida. = SUTURA

8. Cicatriz.

9. Fenda; juntura.

10. Entrelaçamento mútuo dos fios de duas cordas ou cabos.

assentar as costuras a • Espancar alguém.

casa de costura • Empresa de alta costura ou de confecção .
cos·tu·rar cos·tu·rar – Conjugar
verbo transitivo

1. Coser.

2. Empregar-se em obras de costura.


substantivo feminino Ação de coser, profissão de costureira ou alfaiate: curso de corte e costura.
Ato ou efeito de coser a pele depois da cirurgia; cicatriz.
Máquina de costura, aparelho que serve para costurar roupas, couros etc.
Alta-costura, a moda cara e refinada dos grandes costureiros.


Costura é a forma artesanal ou manufaturada de se juntar duas partes de um tecido pano para obeter assim uma plalificação, couro, casca, ou outros materiais, utilizando agulha e linha. A sua utilização é quase universal entre as populações humanas e remonta ao Paleolítico (30000 AC). A costura é anterior à tecelagem de pano.Costura é principalmente utilizada para produzir vestuário e mobiliário doméstico, tais como Cortinas, roupas de cama, estofados e panos de mesa. Também é utilizada para velas, fole, pele barcos, bandeira, e outros itens moldados feitos de materiais flexíveis, tais como lona e couro.
A maior parte da costura industrial mundial é feita por máquinas. Peças de vestuário são muitas vezes pela primeira vez colocadas em conjunto. A máquina tem um conjunto complexo de eixos levando até a movimentação a agulha, ou agulhas, pelas quais são perpassadas linhas, que possibilitam a junção dos dois tecidos, ou outros materiais, quando feita manualmente o costureiro faz a junção somente com a agulha.
Algumas pessoas costuram roupas para si e suas famílias, outras profissionalmente. A costura foi é muito usado de forma artesanal dentro da família pelas mulheres, para a reparação de pequenos defeitos em suas roupas, tais como remendar uma parte rasgada ou substituir um botão solto e fazer algumas peças de decoração como pano de prato, cortinas etc.
Uma pessoa que costura é conhecido sendo mulher e conhecida mais como costureira e os homens como alfaiate e pouco citado como Costureiro.
As costureiras ou costureiros podem escolher várias áreas de trabalho dentro da costura, podem trabalhar fazendo peças sob medida, em indústria desenvolvendo uma função especifica, trabalhar com artesanato fazendo peças decorativas e enxoval para casa.
Para confecção do vestuário como de outras peças que envolva a costura pode haver a necessidades da utilização de molde, e estes moldes podem ser confeccionado por um especialista a modelista (o) ou pela própria costureira (o)
“Plana” é a costura é feita por razões funcionais: fazer ou remendar roupas ou peças domésticas. “Artística” é a costura que primariamente envolve decoração, incluindo as técnicas, tais como shirring, smocking, bordado, ou quilting.
A Costura é a base para muitas outras artes e ofícios, como applique, trabalhos em lona, e patchwork.
Enquanto a costura é muitas vezes visto como um trabalho de baixa qualificação, a tarefa de conceber e de boa procurando formas tridimensionais a partir de não-alongamento bidimensional do tecido geralmente requer a utilização de amplos conhecimentos sobre a concepção e os princípios da matéria. Flat folhas de tecido com buracos e rachas corte no tecido pode curva e dobra em 3D no espaço amplamente as formas complexas que exigem um elevado nível de habilidade e experiência para manipular em uma suave, ondulação livre de desenho. Alinhamento e orientando os padrões impressa ou tecidas no tecido complica ainda mais o processo do projeto. Uma vez que um designer roupas com estas competências criou o produto inicial, o tecido pode então ser cortados usando modelos e cosidos por trabalhadoras manuais ou máquinas.


bookmark_borderO que é anágua

anágua | s. f.
a·ná·gua
(espanhol enagua )
nome feminino

1. [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Peça de roupa interior, espécie de saia curta, que se veste por baixo de vestidos ou saias. = SAIOTE

2. Pano ou toalha de mesa muito comprida dos lados. = SAIA

Sinónimo Sinônimo Geral: ENÁGUA, NÁGUA


substantivo feminino Saia que se veste debaixo de um vestido.


Uma anágua (do espanhol, enagua; do taíno nagua) é uma peça da indumentária feminina utilizada por baixo da roupa (vestido ou saia), com o objetivo de inibir a transparência ou gerar volume.


bookmark_borderO que é fivela

fivela | s. f.
fi·ve·la |é| fi·ve·la |é|
(latim fibula, -ae, fivela, broche )
substantivo feminino

1. Peça de metal, geralmente redonda ou quadrangular, com fuzilhão para apertar correias, presilhas das calças, etc.

2. Adorno do sapato de corte e de certos uniformes.

saber onde aperta a fivela • Conhecer as causas de um problema, de uma dificuldade; saber onde aperta o sapato.


substantivo feminino Peça de metal (ordinariamente retangular) com um ou mais fuzilhões em que se enfia e prende a presilha de algumas peças do vestuário (cintos, sapatos), dos arreios etc.


Uma fivela é uma peça montada sobre um eixo que serve para unir duas extremidades, tal como as de um cinto ou correia, por exemplo.

No Ceará e em alugumas regiões do Brasil o termo fivela também sigifica algo que serve como prendedor de cabelo. Alguns são mais sofisticados, cheios de detalhes, com strasses, brilhos e outros são mais simples sem muito brilho e de cor neutra.


bookmark_borderO que é acessório

acessório | adj. | s. m.
a·ces·só·ri·o
(latim tardio *accessorius, -a, -um, do latim accedo, -ere, ir para, aproximar-se, colocar-se ao lado de, aderir )
adjectivo adjetivo

1. Que se junta ou incorpora por acessão.

2. Que se pode dispensar. = SECUNDÁRIO ≠ ESSENCIAL, FUNDAMENTAL, INDISPENSÁVEL

3. Que não é muito importante.substantivo masculino

4. O que está junto a coisa principal. = COMPLEMENTO

5. Circunstância acidental.

6. Peça que completa ou melhora o funcionamento de algo.

7. Peça ou adorno que se acrescenta ao vestuário.Confrontar: assessório.


adjetivo Aquilo que segue ou acompanha o principal; que é menos importante, secundário: elementos acessórios do quadro.
substantivo masculino Coisa secundária, não essencial; detalhe: tomar o acessório pelo principal.
[Automóvel] Instrumento, aparelho ou dispositivo que não faz parte integrante de um veículo: acessórios de automóveis.
[Gramática] Complemento que não é essencial ao sentido da frase, mas realça uma característica ou circunstância; atributo.
Objeto usado para enfeitar, adorno: além dos colares, ela usava muitos outros acessórios.
[Cinema Literatura Teatro] Objetos de cena usados em filmes, peças de teatro, etc.
Etimologia (origem da palavra acessório). Do latim medieval “accessoriu”-, ajuntar.


Acessório, em moda, refere-se a algum item decorativo que suplementa ou enfeita o vestuário de uma pessoa, como jóias, luvas, bolsas, chapéus, cintos, cachecóis, relógios de pulso, óculos de sol, cintas-liga, laços, polainas, collants, gravata, suspensórios, entre outros.
Acessórios somam cor, estilo e classe ao traje básico, e criam um certo visual, mas também podem ter funções práticas. Bolsas servem para carregar objetos, chapéus protegem o rosto de elementos meteorológicos, e luvas mantêm as mãos quentes.
Muitos acessórios são produzidos por companhias de design de roupas. No entanto, existem muitos indivíduos que fazem sua própria grife ao desenhar e criar uma marca pessoal.
Podem ser usados como símbolos visuais externos de afiliação cultural ou religiosa: Crucifixos, Estrelas de Davi, o turbante islâmico, quipá judaico e solidéu católico são exemplos comuns. Marcas famosas em acessórios são vistas como um indicador de status social.Acessórios também estão disponíveis na forma de braceletes, colares e brincos.


bookmark_borderO que é paletó

paletó | s. m.
pa·le·tó
(francês paletot )
nome masculino

1. [Brasil]   [Brasil]   [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Casaco curto, geralmente com botões, que se usa por cima de outra roupa.

2. [Antigo]   [Antigo]   [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Casaco comprido que se veste por cima de outro. = SOBRETUDO

abotoar o paletó • [Brasil, Informal]   • [Brasil, Informal]   Morrer.

paletó de madeira • [Brasil, Informal]   • [Brasil, Informal]   Caixão de defunto. = PIJAMA DE MADEIRA

paletó de pinho • [Brasil, Informal]   • [Brasil, Informal]   O mesmo que paletó de madeira.

fechar o paletó • [Brasil, Informal]   • [Brasil, Informal]   O mesmo que abotoar o paletó.

vestir o paletó de madeira • [Brasil, Informal]   • [Brasil, Informal]   Morrer. = VESTIR O PIJAMA DE MADEIRA


substantivo masculino Vestiário. Casaco cujo corte reto chega até a altura dos quadris, geralmente, utilizado sobre outra peça de roupa.
Qualquer casaco que se assemelha ao paletó.
Etimologia (origem da palavra paletó). Do francês paletot.


Paletó é um tipo de blêiser (ou blazer, este vindo do inglês), com gola grande. O nome paletó vem do francês paletot, e é um sobretudo. Um casaco largo, que se veste por cima do fato (ou terno) usual.


bookmark_borderO que é camisola

camisola | s. f.
ca·mi·so·la |ó| ca·mi·so·la |ó|
(camisa + -ola )
nome feminino

1. [Vestuário]   [Vestuário]   [Vestuário]   Peça de roupa, geralmente com mangas, que se veste pela cabeça e que cobre o tronco.

2. [Brasil]   [Brasil]   Camisa comprida de dormir.

camisola interior • [Portugal]   • [Portugal]   • [Vestuário]   [Vestuário]   • [Vestuário]   Peça de roupa, geralmente de tecido fino, que se veste pela cabeça e que se traz junto ao corpo, por baixo de outras peças de roupa (ex.: por baixo da camisa, vestia uma camisola interior de manga curta).

vestir a camisola • [Portugal]   • [Portugal]   Empenhar-se incondicionalmente numa causa, numa tarefa ou num projecto . = VESTIR A CAMISA


substantivo feminino Camisa comprida de dormir.


A camisola (português brasileiro) ou camisa de dormir (português europeu) é uma peça de vestuário utilizada pelas mulheres para dormir.
O seu comprimento pode variar, podendo ser mais curto (babydoll) ou até aos pés. Pode ser fabricada em algodão, seda, cetim ou nylon, assim como enfeitada com detalhes, como renda e bordados.
Em Portugal, camisola é uma peça de vestuário quente usada indiferentemente por ambos os sexos, normalmente de lã, não sendo impermeável e servindo unicamente para aquecer o tronco, também chamada suéter (do inglês, sweater).
No Brasil, a camisola é utilizada com a imagem de um vestido, onde é possível receber visitas em casa sem se preocupar em estar com um “pijama”, já a camisola para gestante, é uma praticidade dos tempos atuais, onde a mulher que está em fase de aleitamento materno, tem condições de abrir um simples fecho na camisola e amamentar o neném, sem ter que tirar ou mesmo abaixar as alças da peça, o que traz muito conforto.
Existe também camisolas mais sensuais, onde a transparência e os decotes são mais visados.